CidadesFiscalização

Fiscalização inicia segunda fase do 'Calçada Livre' pelas ruas de Niterói

5
Tamanho da fonte: A- A+ Por: Thaís Heringer 18/02/2013

Operação passa por ruas da Zona Sul da cidade como Otávio Carneiro, Lopes Trovão e Presidente Backer. Veículos foram rebocados em algumas vias e houve intimações

A Prefeitura de Niterói realizou, na manhã de segunda-feira, a segunda etapa da Operação Calçada Livre nas ruas Lopes Trovão, Otávio Carneiro e Presidente Backer, no bairro de Icaraí, na Zona Sul da cidade. Durante a operação, fiscais emitiram 20 intimações. O condomínio de número 100 da Otávio Carneiro foi intimado, em um prazo de três dias, para retirar uma jardineira que foi construída na esquina com a Rua Tavares de Macedo.

Guardas-municipais também rebocaram três veículos que estavam estacionados irregularmente e aplicaram 40 autos de infração por estacionamento irregular. Um restaurante localizado na Rua Presidente Backer foi notificado e deverá realizar o recuo das mesas e cadeiras, que estavam dispostas irregularmente na calçada. O estabelecimento terá três dias para a apresentação de um novo projeto à Secretaria de Urbanismo.

De acordo com o secretário de Ordem Pública, Marcus Jardim, é importante verificar se os comércios locais estão ocupando espaço indevido e atrapalhando a passagem de pedestres. “Estamos iniciando hoje a segunda parte das atividades. Cabe a nós, o poder público, continuar a fiscalização nas calçadas, no intuito de verificar situações irregulares, como a plantação de jardineiras e comércios que estendem o espaço para o meio da via”, afirmou o secretário.

A Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, Dayse Monassa, verificou várias jardineiras com muros e agentes da pasta já iniciaram o reparo para colocá-las no padrão (nível das calçadas) na Rua Lopes Trovão. A secretária apontou outros problemas. “Vi bicicletários colocados de forma errada e vamos remanejá-los para não ocupar o espaço público e não atrapalhar os pedestres. Observei também algumas árvores secas, outras perigosas e vamos pedir à Secretaria de Meio Ambiente para retirá-las. Havia muito vaso e muita jardineira alta”, afirmou.

Ações vão continuar- Marcus Jardim afirmou que o grupo de guarda municipais continuará atuando em horários de grande movimentação para melhorar a qualidade de vida dos moradores niteroienses. “O conjunto de ações que estamos fazendo com as outras secretarias é fundamental para o resultado do trabalho que estamos realizando. Fizemos uma varredura verificando também lâmpadas”, disse Marcus Jardim.


O FLUMINENSE


AVALIE:

 

Enviar para amigo Imprimir

Comente a Notícia

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Grupo O Fluminense. Mensagens que contenham ofensas, acusações e palavrões ou xingamentos não serão publicadas.

Comentários

Esta matéria possui 3 comentário(s)
  1. Edson - 18/02/2013 - 21:39

    Percebo q nessas fotos quem aplicou a infração foi um guarda municipal,com isso são passíveis de anulação,afinal neste município existem os agentes de trânsito(que são responsáveis por esse tipo de preenchimento dos autos de infração)logo sua função é indelegável....com isso aos interessados autos de GM em Niteroi,são atos inválidos!

  2. Renato - 18/02/2013 - 22:03

    Atenção Secretário Marcus Jardim: de ums passada nas ruas Justina Bulhões e Casemiro de Abreu, no Ingá, onde os carros ocupam a calçada obrigando os pedestres, principalmente crianças de escolas próximas, a andar pelo meio da rua.

    Renato

  3. Paula - 19/02/2013 - 09:44

    Isso não tem que acontecer só na zona Sul de Niterói... Tem que ter essa ordem no centro e na parte norte de Niterói.

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.