PolíciaTraficante

Traficante "Casquinha" é preso em comunidade de São Gonçalo

5
Tamanho da fonte: A- A+ Por: Marcelo Almeida 01/08/2013

Francis Silva Salgado é apontado pela polícia como gerente do tráfico de drogas no Morro do Tabajara. Com ele, drogas e material para endolação foram apreendidos

Um homem apontado pela polícia como um dos chefes do tráfico no Morro do Tabajara, no bairro Portão do Rosa, em São Gonçalo, foi preso por agentes do Serviço Reservado (P-2), do 7º BPM (São Gonçalo). Os PMS chegaram ao suspeito na manhã desta quinta-feira após receberem denúncia anônima. 

Segundo a polícia, com Francis Silva Salgado, o Casquinha, de 30 anos, foram apreendidas 285 trouxinhas de maconha que seriam vendidas entre R$ 20 e R$ 100, meio quilo da droga, 114 cápsulas de cocaína, 17 frascos de cheirinho da loló e uma garrafa de meio litro da droga, além de dois facões, um liquidificador, e farto material de endolação.

A denúncia apontava que o suspeito estaria em uma casa na Rua Geraldo Langoni, no Portão do Rosa, e que na casa onde ele estava havia um Corsa verde estacionado na garagem.

Os policiais militares chegaram ao local indicado pela denúncia e encontraram o suspeito ainda dormindo. Eles disseram que parte do entorpecente foi encontrada escondida na garagem, onde também estava o carro, que não constava como roubado e estava em situação regular. 

O restante da droga - segundo os agentes - foi achado dentro da casa onde o suspeito estava dormindo, que era usada - segundo a polícia - como esconderijo de traficantes e ponto de endolação.

Tudo o que foi apreendido foi levado, juntamente com o preso, para a 73ª DP (Neves), onde o caso foi registrado. Casquinha foi autuado por tráfico de drogas.

Niterói – Policiais do 12º BPM (Niterói), durante patrulhamento de rotina na noite de quarta-feira, na Comunidade do Caniçal, no bairro Cafubá, na Região Oceânica, prenderam um homem acusado de tráfico de drogas.

Segundo a polícia, com Adalberto dos Santos, de 31 anos, foram apreendidas 210 trouxinhas de maconha, 51 papelotes de cocaína, sete pedras de crack e ainda R$ 71 em dinheiro.

A ocorrência foi registrada na 77ª DP (Icaraí), onde Adalberto foi autuado por associação para o tráfico de drogas. 


O Fluminense


AVALIE:

 

Enviar para amigo Imprimir

Comente a Notícia

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Grupo O Fluminense. Mensagens que contenham ofensas, acusações e palavrões ou xingamentos não serão publicadas.

Comentários

Esta matéria possui 2 comentário(s)
  1. Inocêncio - 01/08/2013 - 17:08

    Bem feito; agora vão tirar casquinha dele na prisão.

  2. Sorvetão - 01/08/2013 - 19:02

    Tá no lugar certo.

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.

Publicidade:



Redes Sociais






Fale com
a Redação

(21) 2125-3065