PolíciaFalso

Falso agenciador de futebol usava camisa 'autografada' por Pelé

5
Tamanho da fonte: A- A+ Por: Marcelo Almeida 26/04/2013

Estelionatário procurado pela Justiça em vários estados usava sonho de ascensão de jovens jogadores e depois aplicava golpes. Suspeito dizia ser empresário ligado à Fifa

Agentes da 79ª DP (Jurujuba) fizeram na sexta-feira apresentação de um homem acusado de estelionato, que aplicava golpes se passando por empresário de futebol. Adão Bidon da Silva, de 46 anos, foi preso no Galo Branco, em São Gonçalo, na noite da última quinta-feira e estava sendo procurado pela Justiça em vários estados.

Contra ele há 11 mandados de prisão, todos por Estelionato. Para convencer suas vítimas, ele se apresentava como um empresário filiado à Fifa responsável por encontrar jovens promessas nos campos de futebol brasileiro.

Como arma de argumentação, ele apresentava aos pais de seus ‘discípulos’ algumas fotos de uma camisa da Seleção Brasileira supostamente autografada por Pelé e dada ao seu avô. Com isso ele esperava dar uma credibilidade a sua reputação. Porém, de acordo com o local em que aplicava o golpe, o discurso se modificava.

Em alguns casos, ele dizia ter campos de futebol localizados em Maricá, ou se apresentava como empresário da segunda divisão de futebol.
A prisão se deu após os policiais receberem uma denúncia anônima apontando o local onde ele estaria entrando em contato algumas pessoas dizendo que levaria os ‘craques do futuro’ para algum clube no exterior.

Segundo a Polícia, ele marcava uma data para um torneio onde os jovens seriam avaliados por um corpo de olheiros e no dia marcado para o evento ele sumia levando embora o dinheiro pago pelos pais dos garotos sonhadores.

Suspeito pode ter usado canal de TV ‘fantasma’ para atrair vítimas- Quando foi preso, os policiais apreenderam com ele fichas contendo dados de atletas, dois celulares, cartões de crédito, cartões de visita em nome de uma empresa fantasma chamada de Futebol do Brasil S/A, e ainda um Gol, com placa de Guarulhos, com logomarca de uma TV fantasma chamada ‘Segundona’.

Os agentes pedem que outras pessoas que possam ter sido vítimas do estelionatário entrem em contato com a delegacia e denunciem.


O FLUMINENSE


AVALIE:

 

Enviar para amigo Imprimir

Comente a Notícia

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Grupo O Fluminense. Mensagens que contenham ofensas, acusações e palavrões ou xingamentos não serão publicadas.

Comentários

Esta matéria possui 3 comentário(s)
  1. Marcos Paulo - 27/04/2013 - 17:56

    Conheço esse desgraçado, ja quase fui vítima dele, sorte que não levei as coisas à diante !

  2. herbert rodrigues - 30/04/2013 - 22:27

    conheci esse cara num posto de gasolina em columbamdê niteroi , dizia-se ser empresario de futebol. mais vendia era salgadinhos com a famila, deus me livre!

  3. jslsqhs - 08/06/2013 - 13:05

    i5QzrX fhedjofpaceu, [url=http://gvannmacxgaf.com/]gvannmacxgaf[/url], [link=http://bcxbxnxaslpt.com/]bcxbxnxaslpt[/link], http://bjfancopvxvi.com/

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.

Publicidade:



Redes Sociais






Fale com
a Redação

(21) 2125-3065