Assine o fluminense

Paralamas: por uma positividade realista

Banda se apresenta dia 25 na AABB São Francisco, às 22 horas

João Barone, Herbert Vianna e Bi Ribeiro prometem set lit que mistura antigos sucessos da banda e novas canções do último álbum “Sinais do Sim”

Foto: Divulgação

A Associação Atlética Banco do Brasil Niterói, em São Francisco, será palco de muito rock‘n’roll no próximo sábado (25), com a presença da banda Os Paralamas do Sucesso, uma das principais bandas do rock nacional, que apresenta o show “Sinais do Sim”. 

O show tem concepção artística da própria banda em parceria com o músico e técnico de som José Fortes, direção de imagens e cenário de Batman Zavareze e design de iluminação de Cristiano Vaz e Marcos Olívio. 

“Este é um show preparado para todos os fãs dos Paralamas, novos e antigos. Tocaremos músicas do nosso último disco, ‘Sinais do Sim’, e grandes sucessos de toda a carreira, revisitando várias épocas”, conta o baterista João Barone. 

O público pode esperar os hits “Lanterna dos Afogados”, “Aonde quer que eu vá”, “Meu Erro”, “Alagados”, “Uma Brasileira”, “Ela Disse Adeus”, “Cuide bem do seu amor”, “Lourinha Bombril”, “Ska”, entre outras que não ficarão de fora, assim como músicas que há muitos anos estão fora do repertório da banda, como “O amor não sabe esperar” e “Capitão de Indústria”. 

Com uma trajetória de mais de 30 anos, a história dos Paralamas do Sucesso se funde com a da música brasileira, sobretudo com o rock nacional. Criada em 1982, no município de Seropédica, no Rio de Janeiro, a banda ainda possui os mesmos integrantes: o vocalista e guitarrista Herbert Vianna, o baixista Bi Ribeiro e o baterista João Barone. São muitas histórias marcantes nestes anos, com momentos de luta e superação que costuram o nome da banda no cenário nacional. 

“Uma banda existir 36 anos como nós é muito raro. Isto só existe por conta de nosso amor à música e a amizade entre nós. Música é a nossa vida, é o que gostamos e o que sabemos fazer”, comenta Barone, que também fala da relação da banda com o discurso político, que é uma característica marcante das bandas de rock dos anos 80: “Acho que não existe hora marcada para se falar de política. Tudo passa pelo seu momento pessoal. Todo artista é um ser político, visto que é um catalizador de sentimentos”.

A atual turnê da banda privilegia o 13º álbum da banda, “Sinais do Sim”, lançado em 2017. O disco traz toda a experiência do trio, com um ar de positividade e renovação. Neste projeto de estúdio, a fidelidade ao rock brasileiro e universal se mantém intacta! A longa amizade e a parceria musical nunca deixaram a criatividade do grupo perder força.

Trazendo sua experiência e qualidade em trabalhar com diversos gêneros, Mario Caldato Jr. assinou a direção do disco, que tem 11 faixas inspiradas na experiência da dor e a renovação da esperança. Dentre elas, há a faixa-título – que abre o show –, trazendo uma positividade realista, validando a relação e a longevidade da banda. É a única música do disco em que apenas os três tocam. Outro destaque do disco é a canção “Itaquaquecetuba”, que possui a formação que se tornou identidade marcante da banca nos anos 90, com metais de Bidu Cordeiro no trombone, Monteiro Jr. no saxofone e teclados de João Fera. 

A AABB fica na Rua Hélio da Silva Carneiro, 78, em São Francisco, Niterói. Dia 25 de maio, às 22h. Preço: 3º lote R$ 70 (antecipado). Classificação: 18 anos. Telefone: 2611-3155.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comments

Veja também

Scroll To Top