Assine o fluminense

Transversalidade da arte em cena

Solar do Jambeiro recebe o espetáculo ‘Hypocrisis’ até 26 de abril, abordando temas como machismo e intolerância

Apresentação envolve teatro gestual, dança, música, artes plásticas e vídeo

Foto: Divulgação

Durante as sextas-feiras deste mês, o Solar do Jambeiro, em Niterói, receberá o espetáculo “Hypocrisis”, Até 26 de abril. Questões que permeiam debates nos dias de hoje se tornam temas abordados na peça, como machismo, intolerância, disputa pelo poder, perda da identidade e a mecanização do corpo.

A apresentação envolve teatro gestual, dança, música, artes plásticas e vídeo, em uma forma de transversalidade da arte, aguçando a própria percepção do ator em relação a seu processo criativo. Desta forma, a intenção é atrair o público pelos sentidos, com pouco texto e referências do teatro gestual e físico, para construção dos atores e da relação com a plateia, conectando-se com a obra a partir da necessidade de decifrá-lo.

O diretor Reinaldo Dutra estruturou a obra através de experiências do próprio elenco. Com a dramaturgia, cenografia e figurino frutos de criação coletiva e sem uma história linear, o espetáculo fala dos atores, profetas e loucos que residem em cada um de nós. A origem da peça veio do último módulo no curso de formação da OST (Oficina Social de Teatro) e, desde lá, a partir do tema hipocrisia, questiona o lugar do ator e da atriz na sociedade. 

“Os alunos, como praticantes de teatro, começaram a trazer suas experiências como modelo de criação, as suas experiências com o próprio teatro e suas visões também com relação ao ser ator, ao ser atriz. Dentro disso, o machismo surgiu com muita força, porque os homens que decidem fazer teatro são vistos por uma sociedade como menos homens por isso”, explica Reinaldo.

Além do desejo de ver uma casa cheia, o diretor conta que, mais do que isso, a expectativa é que consigam jogar entre eles e com o público, estabelecendo uma relação sincera com quem vai assisti-los, porque isso é uma coisa muito difícil. Dutra também fala que a arte do teatro é uma arte do encontro, então, para eles, seria fundamental que esse encontro de fato acontecesse. 

“A peça não tem nada, não tem cenário, o mínimo de luz, alguns adereços, é tudo centrado mesmo sobre o trabalho do ator”, define.

O Solar do Jambeiro fica na Rua Presidente Domiciano, 195, Boa Viagem. Até 26 de abril, todas as sextas, às 20h. Classificação: 14 anos. Ingressos: R$20 (inteira) / R$10 (meia). Informações: 2109-2222.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comments

Veja também

Scroll To Top