Assine o fluminense

Paulo Barros fica na Viradouro em 2020


Carnavalesco anuncia permanência na escola de Niterói após vice-campeonato

Zé Paulo, Paulo Barros e Marcelinho Calil no fim do desfile da Sapucaí

Foto: Douglas Macedo

O carnavalesco Paulo Barros, um dos responsáveis pelo título de vice-campeã da Unidos do Viradouro no carnaval de 2019, anunciou que permanecerá na vermelho e branco para a próxima disputa. A agremiação de Niterói apresentou na Marquês de Sapucaí o enredo “Viraviradouro”, que levou magia para a Avenida, conseguindo um feito histórico após voltar para o Grupo Especial.

O carnavalesco voltou à agremiação no ano passado, quando a escola de Niterói foi campeã da Série A, chegando ao Grupo Especial. Barros já havia passado pela vermelho e branco nos desfiles de 2007 e 2008 quando, segundo o artista, fez um dos trabalhos mais marcantes de sua trajetória.

A escola, que ganhou o título da Série A no ano passado, encantou a Marquês de Sapucaí com os contos mágicos, resgatando a inocência da infância perdida ao longo da vida. A agremiação de Niterói conquistou 269,70 pontos, três décimos a menos que a campeã Mangueira. 

Nunca, na história do carnaval carioca, uma escola que subiu da Série A conseguiu uma colocação tão boa no ano seguinte no Grupo Especial. A última vez em que uma vencedora do Acesso desfilou no Sábado das Campeãs foi em 2000, a Unidos da Tijuca, que terminou em 5º lugar. A Viradouro também conseguiu quebrar o tabu de permanecer no especial no ano em que sobe, o que não acontecia desde 2010. Esse feito foi comentado justamente pelo carnavalesco Paulo Barros, que se pronunciou através de suas redes sociais.

  “Acabou a lenda que toda escola que sobe, desce! Obrigado, Viradouro”, comemorou Barros.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comments

Veja também

Scroll To Top