Assine o fluminense

Problemas do Liceu em debate na Câmara

Câmara Municipal ficou completamente lotada durante a audiência pública

Com plenário, galerias e demais dependências da Câmara de Niterói totalmente tomadas por estudantes, os problemas do Colégio Estadual Liceu Nilo Peçanha, no Centro, foram debatidos na tarde desta sexta-feira (17). A audiência pública, conjunta entre a Câmara e a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), foi requerida pelos vereadores Leonardo Giordano (PCdoB) e Renatinho do Psol, respectivamente, presidentes das comissões de Cultura e Patrimônio Histórico e Direitos Humanos. Pela Alerj compareceram o deputado Flávio Serafini (Psol), que preside a Comissão de Educação; e Waldeck Carneiro (PT), Renan Ferreirinha (PSB) e Rosane Félix (PSL), todos membros da Comissão.

Também fizeram parte da mesa a professora do Ana Clara Sisterolli, criadora do Movimento Ajeita Liceu; Rejane Machado, representante do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (Sepe-Niterói); e representantes do Grêmio Estudantil da escola. Participaram, ainda, os vereadores Milton Cal (Progressista), presidente da Câmara de Niterói; Paulo Eduardo Gomes (PSOL) e Ricardo Evangelista (PRB); funcionários, professores e prestadores de serviço da escola.

A fala comum entre todos ficou por conta da falta de climatização, pagamento de terceirizados, acessibilidade e condições gerais do prédio, que é tombado pelo Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural da cidade.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comments

Sebastião
Escolas e hospitais não tem debate, seria prioridade. Mas não traz lucro.
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Veja também

Scroll To Top