Assine o fluminense
Bruno Serpa Pinto

O presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Niterói fala sobre o mercado de imóveis na cidade

A cidade pode voltar a sorrir com novos empregos



Não há como negar a importância de Niterói para o desenvolvimento do Rio de Janeiro. Com um dos melhores índices de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH) do país, a economia pujante do município impulsiona diversos setores fundamentais para o crescimento do estado. Não é à toa que Niterói foi a ‘não-capital’ mais desejada para morar por quem buscou imóveis no Brasil no ano passado.

O resultado foi identificado pelo ZAP Imóveis, que definiu o ranking dos dez municípios, retirando as capitais, mais procuradas do país. Esse é o segundo ano em que a cidade fica na liderança, em face de todo o investimento na infraestrutura, saúde e educação que tem recebido.

O noticiário recente também trouxe outras boas novas para a ‘Cidade sorriso’: calculado em R$ 3,2 bilhões, o orçamento municipal bateu o seu recorde histórico este ano. Desse total, 41,8% são oriundos de royalties e participações especiais na exploração do petróleo. É a primeira vez que o orçamento ultrapassa os R$ 3 bilhões e que a arrecadação de royalties supera R$ 1 bilhão na história da cidade.

Esses resultados aumentam a visibilidade da cidade no mercado e a confiança de novos investidores, um desempenho que se torna ainda mais relevante em contraste ao cenário grave de crise econômica da cidade do Rio, que acumula dívidas e vive em calamidade financeira desde 2016.

Atraindo investimentos

Em paralelo, o estoque de imóveis novos continua baixando e as incorporadoras já começam a preparar novos lançamentos, iniciando obras dos novos stands de vendas e a demolição e limpeza dos terrenos. Isso gerará uma nova onda de empregos e postos de trabalho na cidade.

A ADEMI-Niterói acredita que este é um momento crucial para quem tem condições de investir em novos empreendimentos e aproveitar o crescimento da cidade, incluindo a compra de imóveis. Com menos burocracia, continuaremos a atrair investimentos.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top