Assine o fluminense
Coaching & Gestão

Palestrante, coach, mentor e escritor, José Haddad tem mais de 30 anos de experiência profissional, já tendo ocupado cargos executivos em grandes empresas, treinando e motivando profissionais

A diferença entre sonho e meta é a data!



Você é daqueles que fica na sombra, de braços abertos, aguardando cair do céu um milagre e reclama que a vida está difícil? Se você pensa e age assim, não me resta alternativa que não seja a de concordar com você e te afirmar que a vida vai continuar difícil, pelo menos, para você!

Mas se você é daqueles que busca sempre encontrar uma forma de fazer mais e melhor o que já vem produzindo de positivo no mundo, trago mais uma ferramenta gerencial que te ajudará e muito a traçar metas exequíveis com segurança. É a meta conhecida como SMART (tradução - esperta, inteligente). É uma das mais simples de se estruturar e uma das mais eficientes que conheço.

Cada uma das siglas que compõe a meta SMART, tem um significado de conduta, que deve ser seguido. Vamos ao passo a passo da meta SMART:

S - Specific (específica) - sua meta deve ser bem específica, não ser genérica. Por exemplo, a meta não deve ser "fazer um regime alimentar", mas sim, "emagrecer X quilos por mês".

Pergunta chave: O que você realmente quer em números?

M - Mensurable (mensurável) - tudo que pudermos mensurar, poderemos alcançar. Por isso sua meta deve conter números que reflitam indicadores de que você esteja no caminho certo.

Perguntas chaves: Quais os indicadores que dirão para você que você está no caminho e tempo certos? O que precisa estar acontecendo para você saber que chegou lá?

A - Achievable (atingível) - Que possa ser imaginada como factível e que você possa ter o controle durante todo o processo para garantir o atingimento da meta. Metas precisam ser ousadas, mas precisam ser factíveis.

Perguntas chaves: O que lhe garante que você conseguirá? Quais as evidências técnicas?

R - Relevant (relevante) - Devem ter um significado de importância, de produtividade, de avanço, de benefício comum.

Perguntas chaves: Essa meta é importante? É produtiva? Vai gerar importância direta ou indireta para algum sistema?

T - Time (tempo) - Ela deve se realizar em um prazo pré-estabelecido. Se suas metas são de longo prazo, é melhor estabelecer sub metas de curto prazo para

facilitar o monitoramento de controle de resultados.

Perguntas chaves: Qual o prazo máximo para o atingimento dessa meta? Temos condições de reduzir prazos pré-estabelecidos sem perder qualidade no que se quer obter? Quais os fatores que podem atrasar o prazo estabelecido?

Além disso, inclua as perguntas O que?, Quem?, Quem Mais, Quando?, Como? e Onde?, sempre que couber. Isso garantirá o pleno êxito na elaboração das metas.

Boas metas e Sucesso!

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Mais notícias de

Scroll To Top