NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Novo ciclo de desenvolvimento de Niterói

Niterói conta com um orçamento de mais de R$ 3,2 bilhões para 2019, maior do que o de treze capitais brasileiras. A cidade se destaca nos indicadores sociais e nos de gestão. No Rio de Janeiro é a primeira colocada no IDHM, nos índices de boa gestão fiscal (Firjan) e de governança municipal (CFA). Foi considerada, em 2018, a melhor cidade para se investir (Exame). Obteve nota máxima na escala Brasil Transparente (CGU), no ranking nacional da transparência (MPF) e na agência de classificação de risco Standard & Poor’s. O gestor recebeu o prêmio de melhor prefeito empreendedor (SEBRAE).

Na área fiscal, Niterói vem adotando iniciativas de modernização da máquina administrativa. Na área social e na infraesturura urbana, vem realizando investimentos com apoio de instituições internacionais (BID, CAF, AFD). Em 2019, saúde e educação receberão, juntas, mais de R$ 2 bilhões. 

Considerado o 31° município mais rico do país em 2016 (IBGE), a economia niteroiense está concentrada no terciário superior. Todavia, a indústria extrativa vem se expandindo com a exploração das jazidas do pré-sal.

Diante do seu perfil sócio-produtivo, sua posição geográfica estratégica e suas condicões infraestruturais, aliados à gestão eficiente e aos elevados níveis de governança e accountability, é possível antever um novo ciclo de desenvolvimento duradouro da cidade.

Scroll To Top