NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Desemprego cresce

O desemprego no Brasil voltou a bater na casa dos 13 milhões de pessoas. A taxa do último trimestre, encerrado em fevereiro, divulgada ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), queda de 12,4% no nível de empregos. O índice é maior do que os 11,6% registrados no período anterior, encerrado em novembro de 2018, mas ainda inferior ao verificado no mesmo trimestre encerrado há um ano, quando o desemprego ficou em 12,6%. Trocando em miúdos para dar a dimensão real dos números atuais, houve queda de 7,3% no emprego, o que representa em torno de 892 mil brasileiros desempregados.

Não dá mais para segurar. É preciso votar as reformas para as contas econômicas e sociais saírem do vermelho, sob pena de provocarem a estagnação do País. 

Scroll To Top