Assine o fluminense

Firjan defende retomada das obras em Angra 3

A Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) defendeu a retomada das obras da usina nuclear Angra 3. Os empresários entregaram ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, documento sobre o impacto do terminal para a segurança energética e o desenvolvimento do estado fluminense e do país.

Para ambientalistas, os investimentos em energia nuclear devem ser revistos em decorrência dos riscos e dos valores, considerados elevados em comparação às fontes renováveis, como a solar e a eólica, com grande potencial no Brasil.

No documento entregue a Bento Albuquerque, que esteve à frente do Programa Nuclear da Marinha, a Firjan afirma que a energia nuclear, do ponto de vista ambiental, é mais limpa que os combustíveis fósseis, e não emite gases do efeito estufa. Outra vantagem apontada no documento é a “modicidade tarifária no médio prazo”.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top