Assine o fluminense

Incêndio atinge prédio no Centro de Niterói

Fluxo de veículos ficou complicado na região. Fogo foi controlado por volta das 18h30

A Rua da Conceição precisou ser interditada por mais de 5 horas para o combate às chamas e os trabalhos de rescaldo

Marcelo Feitosa

Um incêndio de grande proporções atingiu pelo menos cinco dos dez andares da Galeria Paz, um edifício localizado entre a Rua da Conceição e a Avenida Amaral Peixoto, no Centro de Niterói, na tarde desta terça-feira (22).

A fumaça, que mudou a paisagem da região, pôde ser vista de diversos pontos do centro da cidade. Segundo o Corpo de Bombeiros, as chamas tiveram início por volta das 16h10, e o combate às chamas durou cerca de 2h30. Os quartéis do Centro e de Charitas trabalharam na ocorrência. Ninguém ficou ferido.

Para combater as chamas, que atingiram pelo menos cinco andares do edifício, homens do Corpo de Bombeiros precisaram fechar a Rua da Conceição para a proteção dos pedestres, já que partes de vidro e outros materiais queimados caíram sobre a via. Comerciantes que trabalham na mesma rua em que ocorreu o incêndio foram impedidos pelos bombeiros de entrar em seus comércios por conta da possibilidade de explosão. A perícia no local irá possibilitar as causas do incidente.

Guardas-municipais de Niterói que patrulhavam a Rua da Conceição, no momento do ocorrido, ajudaram a evitar uma tragédia maior. Após serem alertados por populares sobre a fumaça no local, os agentes acionaram os bombeiros. Dois guardas ainda percorreram os andares do prédio, batendo de porta em porta, orientando as pessoas a deixar o local.

Após o incêndio, o trabalho de rescaldo seguiu durante a noite. A Defesa Civil interditou o local e realizará uma nova vistoria nesta quarta

Marcelo Feitosa

“Em um dos consultórios estava acontecendo um atendimento, e não perceberam as chamas. Acalmamos as pessoas e auxiliamos na saída do prédio”, explicou um dos agentes.

Prédios e comércios localizados próximos ao edifício que foi atingido pelas chamas também foram evacuados.

De acordo com Igor Guimarães, de 25 anos, que é recepcionista de uma clínica que funciona no prédio, ele escutou pessoas gritando e pensou que fosse alguma confusão na rua. Mas, ao olhar pela janela, percebeu coisas caindo dos andares superiores, e ouviu os primeiros gritos de pessoas relatando fogo.

“Estávamos trabalhando normalmente quando começou a gritaria. De início, pensamos que fosse uma confusão, mas muita gente começou a gritar “Fogo! Fogo!”. Quando percebemos que se tratava de um incêndio, subi para o terceiro andar, comecei a alertar os médicos e quem eu encontrava pela frente. Acalmamos as pessoas e retiramos os pacientes do local”, contou.

Até o fechamento desta edição, não se obteve informações sobre as causas das chamas, que, segundo a Guarda Municipal, teriam se iniciado em uma das salas do oitavo andar por volta das 16h10. O fogo se espalhou rapidamente pelos andares. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o incêndio foi controlado por volta das 18h30 e, após isso, homens entraram noite adentro fazendo o trabalho de rescaldo para esfriar o prédio e evitar novos focos de incêndio.

A Enel Distribuição Rio, por meio de nota, informou que, devido ao incêndio, foi necessário interromper o fornecimento de energia elétrica para o circuito que atende a região. A empresa esclareceu que realizou manobras na rede elétrica para restabelecer o serviço para maioria dos clientes afetados, e aguarda a liberação do Corpo de Bombeiros para normalizar integralmente o serviço na região. 

Com o ocorrido, o trânsito ficou complicado próximo ao local, e agentes da Niterói Transporte e Trânsito (NitTrans) precisaram controlar o tráfego. A Rua da Conceição ficou interditada por mais de 5 horas.

A Defesa Civil vistoriou o prédio com o auxílio de drone, e interditou o local. Uma nova vistoria será feita nesta quarta-feira (23). 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Bianca Ribeiro
Eu estava no quio andar trabalhando e ninguém bateu na minha porta. Fiquei um 40 min trabalhando ainda no escuro com o prédio em chamas. Podia ter acontecido algo pior.
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Bianca Ribeiro
Eu estava trabalhando no 5 andar e NGM bateu na minha porta, minha sala e a última do corredor e nem foi até lá para ver se tinha gente. Só sai do predio pq minha aula acabou. Podia ter acontecido algo pior.... Cheiro de fumaça, pedaços ckm foro caindo pela janela no corredor, escadas alagadas... E eu sem saber de nada
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Veja também

Scroll To Top