Assine o fluminense

Itaboraí realiza Audiência Pública sobre a BR-493

Foi realizada na última quinta-feira (23) uma Audiência Pública, no Rotary Club, no centro de Itaboraí. O objetivo da reunião foi a reivindicação pela retomada das obras, segurança, iluminação, sinalização e passarela na BR-493.

O prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel Souza, falou que “hoje nós temos um índice inadmissível de 18 pessoas mortas naquela estrada, sem responsabilizar ninguém. Então o que a gente tem que marcar aqui, no dia de hoje, é qual o próximo passo e providências que devem ser tomadas. A obra mais importante para desafogar Manilha é da BR-493 e o Trevo de Manilha. Temos que conseguir juntar a comunidade para debater um assunto como esse é muito importante”, declarou o chefe do executivo.

O representante da Polícia Rodoviária Federal, Eduardo Cecílio, comentou sobre a importância de cobrar uma solução para o problema da obra, que atinge os cidadãos e também o trabalho das polícias. “A Polícia Rodoviária Federal (PRF) está empenhada em ouvi-los e estou feliz por essa Audiência Pública, porque toda vez que sou acionado por um fechamento de pista eu já não sei mais qual é a manifestação porque toda vez as pessoas reclamam que a estrada está ruim. Estar aqui hoje é essencial, temos que cobrar dos órgãos públicos uma posição”, disse Eduardo.

Bruninho, morador e representante do bairro de Itambi, falou da urgência que essa questão exige. “Eu sou usuário da rodovia, sou nascido e criado em Itambi. A gente quer que resolva, quer uma solução, eu uso aquela estrada todos os dias, vejo a dificuldade da polícia de fazer a segurança daquele local, a noite não tem como passar lá, é um risco para todo mundo. Hoje estou me sentindo orgulhoso, porque aqui estão as pessoas que puderam vir para uma audiência tão importante”, destacou o morador.

Também estiveram presentes os vereadores Marcos Araújo, Eneas Pereira e Joana Lage, os deputados estaduais Marina e Capitão Nelson; o representante da Polícia Rodoviária Federal (PFR) da BR-101, Geraldo Carvalho; o comandante do 35º Batalhão de Polícia Militar, Coronel Guimarães; o engenheiro do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Arnaldo Pinho, além dos representantes do Gebara, Russão e o de Magé, Carlos Henrique.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top