NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Juros em queda impulsionam sonho da casa própria

Em mais um movimento pró-cliente, a Caixa Econômica Federal anunciou a redução nos juros no financiamento da casa própria. A taxa mais alta cobrada pelo banco caiu de 11% ao ano mais a TR, Taxa Referencial, para 9,75% ao ano mais a TR. Atualmente, a TR está em zero. A taxa mais baixa, paga pelos correntistas ou quem tem algum tipo de relacionamento com a Caixa, passou de 8,75% ao ano mais TR para 8,5% ao ano mais TR.

Foram unificadas as taxas cobradas nos empréstimos do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI). No primeiro, os clientes financiam imóveis de até R$ 1,5 milhão com o uso do saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). No SFI, para imóveis acima de R$ 1,5 milhão, a taxa cairá de 9,75% mais TR para 8,5% mais TR.

Na avaliação de especialistas, o movimento deve ajudar milhares de famílias e a tendência é que os bancos concorrentes façam a mesma concessão. Essa melhora no setor imobiliário cria condições para que se haja segurança para financiar apartamentos e empresas, já que o mercado está ativo e investindo. Clientes que desejavam comprar e estavam cautelosos, devem apostar nesse momento de vantagens únicas para investir.

Em Niterói, os estoques estão ainda mais baixos que os números nacionais e quem quer desfrutar uma última janela antes da alta dos preços, ajustados aos custos atuais de produção, deve aproveitar as boas condições de negociação atuais.

Oportunidades ímpares para a aquisição do seu apartamento estão disponíveis nas associadas da ADEMI-Niterói. Consulte as imobiliárias da cidade e procure estas ofertas enquanto ainda há tempo.

Scroll To Top