Assine o fluminense

Mais saneamento básico para Niterói

Com Estação de Tratamento de Esgoto do Sapê, que será inaugurada em junho, a cidade de Niterói chegará a 97% de cobertura

Axel Grael e Rodrigo Neves foram algumas da autoridades que visitaram a obra

Luciano Carneiro / Prefeitura de Niterói

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, visitou nesta quarta-feiara (24) as obras da nona Estação de Tratamento de Esgoto, a ETE Sapê, em Pendotiba. A construção, que é uma parceria com a concessionária Águas de Niterói, conta com um investimento de R$ 36 milhões. A unidade terá capacidade para tratar aproximadamente 4 mil litros de esgoto por minuto, atendendo os bairros Sapê, Ititioca, Santa Bárbara e Caramujo.

A cidade, que já conta com 100% de água tratada, chegará a 97% de cobertura em tratamento de esgoto com a operação da nova estação, que será inaugurada no Dia Mundial do Meio Ambiente, em 5 de junho. A meta é atingir 100% do esgoto coletado e tratado em 2020, e se manter como o município que tem o maior índice do Estado do Rio.

Durante a vistoria, Rodrigo Neves enfatizou que, em 2013, realizou parceria com a concessionária Águas de Niterói para antecipar investimentos previstos inicialmente para 2026, e assegurar que a cidade ganhasse cobertura de água e esgoto antes do previsto. Foram R$ 150 milhões de investimentos neste período, com estações consideradas como as mais modernas do Brasil.

O prefeito destacou iniciativas como o reservatório na Região de Pendotiba, com dois milhões de litros de água, e a ETE Maria Paula, que atende os bairros do Matapaca e de Maria Paula. Ele citou ainda a duplicação do abastecimento de água da Região Oceânica, atualmente com capacidade de três milhões de litros, acompanhando o crescimento sustentável da Região, além da construção de adutoras no Barreto e em Jurujuba, duas importantes unidades de ponta de linha que passaram a levar água para bairros que sofriam com a falta de abastecimento.

“Fizemos um esforço muito grande e planejamento integrado para a universalização do serviço de água e esgoto. Nossa meta é chegar a 100% do esgoto coletado e tratado em 2020”, afirmou Neves. “Conseguimos levar abastecimento regular para muitos bairros. A distribuição correta, atrelada a serviços e investimentos, contribui também para reduzir a mortalidade infantil. A coleta e o tratamento adequados de esgoto também preservam nossos mananciais de rio e lagoas. Por isso, estamos nessa parceria para garantir cada vez mais qualidade de vida para a população”.

O prefeito destacou também os resultados obtidos com relação à balneabilidade do mar nos bairros de Icaraí, Jurujuba e São Francisco, por conta da modernização das ETEs e do Programa Enseada Limpa. Os resultados permitiram um salto de 10% para 60% de águas limpas, na maior parte do mês. A balneabilidade fica comprometida durante as chuvas, devido ao recebimento de resíduos de outros municípios que margeiam a Baía de Guanabara e recebem tratamento, como Niterói.

 
Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top