Assine o fluminense

Mais tempo para aulas e atividades

Colégio Estadual Brigadeiro Castrioto, em São Lourenço, passará a oferecer ensino em horário integral a partir do ano que vem

Colégio no bairro São Lourenço será a terceira unidade estadual na cidade a funcionar em horário integral

Marcelo Feitosa

Uma escola estadual de Niterói vai receber o Programa de Educação Integral em 2016. A proposta do projeto é ampliar as fronteiras da qualidade educacional do Ensino Médio no Rio e foi desenvolvida junto com o Instituto Ayrton Senna. O Colégio Estadual Brigadeiro Castrioto, no bairro de São Lourenço, será um dos 23 do Estado que serão incorporados à iniciativa no ano que vem.

De acordo com a Secretaria Estadual de Educação (Seeduc), o programa conta com duas dimensões, a Solução Educacional, que prevê o desenvolvimento cognitivo, ou seja, a aprendizagem das disciplinas tradicionais, raciocínio lógico e pensamento crítico, associado ao socioemocional, e a Dupla Escola, que mantém o aluno na escola em tempo integral com o desenvolvimento de diversas atividades.

Ainda segundo o órgão, das escolas estaduais que receberão o sistema, duas serão consideradas de referência, a Brigadeiro Castrioto em Niterói e a Almirante Rodrigues Silva, localizada na cidade de Valença. A diretora do C.E Brigadeiro Castrioto, Luzia Costa, contou que o projeto tem grande importância para a cidade e para a vida dos alunos.

“É um momento áureo na educação de Niterói, com essa conquista, vejo um futuro ainda mais bonito para a escola, que já possui 50 anos. Vamos agarrar esta oportunidade com unhas e dentes, fazendo com que o aluno se torne o protagonista da ação, se preparando assim para a vida”, declarou.

Em Niterói, já existem duas escolas funcionando em sistema de aulas integrais, o Colégio Estadual Matemático Joaquim Gomes de Sousa – Intercultural Brasil-China e o Ensino Médio Intercultural Brasil-França, ambas no bairro de Charitas, na Zona Sul da cidade.

“Já temos estas escolas funcionando em tempo integral, mas neste momento seremos a única de Niterói no programa. Pretendemos assim fazer o diferencial, mudando a referência que as pessoas têm da escola. Com certeza, os pais vão procurar colocar seus filhos para estudar na unidade. A cidade só tem a ganhar com mais esse projeto”, explicou a diretora.

Ainda segundo Luzia, o programa tem papel fundamental na educação e formação do aluno.

“Com o horário integral, o aluno vai participar de aulas e oficinas que vão formar para a vida. Os professores estarão totalmente integrados, realizando reuniões frequentes com a equipe da escola, para que o programa melhore e cresça cada vez mais. O aluno vai se elevar e ter um crescimento pessoal fantástico”, concluiu.

Segundo a Seeduc, a expectativa é que 258 escolas sejam contempladas com o programa em todo o Estado até 2018, beneficiando 98 mil alunos.      
As inscrições para o ingresso no Brigadeiro Castrioto e para o colégio de Valença começam amanhã e terminam no dia 30. A seleção se dá via sorteio público. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Eduardo
MILAGRE!! Um projeto educacional deste nível na Zona Norte de Niterói...antes tarde do que nunca!
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Veja também

Scroll To Top