Assine o fluminense
Claudio Vianna

Claudio Vianna é presidente da OAB Niterói e aborda temas do mundo jurídico, além de questões relacionadas à segurança, política e da cidade. E-mails para esta coluna: claudiovianna@advcrv.adv.br

Hinos que regem nossa vida

O Hino Nacional do Brasil, que é um dos quatro símbolos oficiais da República Federativa do Brasil, foi composto por Francisco Manuel da Silva em 1822, e anos mais tarde, em 1909, a letra foi escrita por Joaquim Osório Duque Estrada. No próximo dia 13 de abril, comemora-se o Dia do Hino Nacional, data que é recheada de fatos interessantes, mas infelizmente pouco divulgados. O Hino se tornou oficial durante as comemorações do Centenário da Independência do Brasil.

Na OAB Niterói, em todas as solenidades, o nosso Hino Nacional faz parte do cerimonial. Vale lembrar que nós advogados também possuímos um hino lindíssimo, também de pouco conhecimento, nestes termos:

“Sob o pálio protetor da gloriosa OAB, os hermeneutas da lei, incansáveis vão à luta nesta batalha renhida, apoiados no saber defensores medianeiros, Deus lhes deu este legado. Indispensável à justiça no Brasil ou além-mar, altaneiros na vanguarda, honrados advogados, trabalham com galhardia nestes céus alvissareiros, buscando um porto ameno, ‘data vênia’ meus amigos, vitoriosos ou vencidos serão sempre timoneiros na profissão sacerdotes, Deus é o seu pedestal, honrando seu juramento, inspirados pela fé. Heroicamente militam por justiça social, diligentes lutadores combatendo a tirania, jurisconsultos aguerridos, fatos normas ajustando. Não importa a demanda, acompanham com ousadia, trabalham com galhardia nestes céus alvissareiros, buscando um porto ameno, ‘data vênia’ meus amigos: vitoriosos ou vencidos serão sempre timoneiros”.

Vale saber.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top