Assine o fluminense

Rio terá polo de Inovação Tecnológica do Agronegócio

Convênio do Governo do Estado com a Embrapa foi assinado esta semana, prevendo implantação do polo no Jardim Botânico

Divulgação/Palácio Guanabara

O governo do Estado, por meio do secretário de Ciência, Tecnologia (Secti) e Inovação, Leonardo Rodrigues, assinou, esta semana, convênio com o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Sebastião Barbosa, que cria o 1° Polo de Inovação Tecnológica do Agronegócio (PITec Agro) do Brasil, no estado do Rio de Janeiro. 

Participaram da cerimônia, na sede da Secti, o subsecretário de Cooperação com o Setor Tecnológico e Inovativo, Filippo Scelza, e técnicos da Embrapa.

Iniciativa singular e pioneira para o país, o PITec Agro é um ambiente de inovações dentro da Embrapa que permite interação e cooperação entre a iniciativa empreendedora e a comunidade científica e acadêmica, visando fortalecer o desenvolvimento tecnológico do setor.

 “Faremos uma transformação capaz de mostrar que o Estado do Rio de Janeiro pode ser autossuficiente e com capacidade de adquirir uma identidade em tudo que é produzido. Este é o caminho que estamos traçando: a geração de emprego e renda para a população com o objetivo de impulsionar e desenvolver ciência, tecnologia e inovação”, afirmou o secretário Leonardo Rodrigues.

Jardim Botânico - O PITec Agro vai ser implantado na sede da Embrapa do Rio de Janeiro, no Jardim Botânico, mas alcançará todo o estado, via conectividade e inclusão digital no campo de todos os atores, sejam empresas grandes ou startups, com o polo, informa o secretário Leonardo Rodrigues.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top