Assine o fluminense

Servidores da UFF entram em greve por carga horária

Medida foi tomada por conta de uma revogação do reitor que institui o aumento do horário semanal dos trabalhadores de 30h para 40h

Servidores técnico-administrativos da Universidade Federal Fluminense (UFF) aderiram à greve na tarde de ontem. A decisão foi tomada durante uma assembleia realizada no Gragoatá, após inúmeras tentativas sem sucesso com o reitor da unidade. A medida dos servidores foi tomada por conta de uma revogação do reitor que institui o aumento da carga horária semanal dos trabalhadores de 30h para 40h. 

Segundo eles, também são questionadas melhores condições de trabalho e mudanças na gestão do Hospital Universitário Antonio Pedro (Huap). Ainda de acordo com os funcionários, a adesão do movimento tem como finalidade pressionar a administração para que seja marcada uma audiência para tomar medidas sobre o assunto. 
 
Está prevista para a próxima terça-feira (16) uma manifestação em frente à reitoria da UFF, em Icaraí. 

Procurada, a Universidade Federal Fluminense (UFF) não respondeu até o fechamento desta edição.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top