Assine o fluminense

‘Tom’ no Poeirinha

A peça aborda a inabilidade do indivíduo para lidar com o preconceito, a impotência, a violência e o fracasso

Após a morte do companheiro, Tom aparece no funeral e descobre que a família do companheiro nunca soube da existência dele, que tão pouco eles sabiam que seu namorado era gay

Divulgação/José Limongi

Depois de muitas temporadas e vários prêmios, o espetáculo “Tom na Fazenda” reestreia nesta sexta, às 21h, no Teatro Poeirinha, no Rio. 

Idealizada pelo ator e produtor Armando Babaioff, que também assina a tradução, a peça é dirigida por Rodrigo Portella, e traz no elenco Kelzy Ecard, Camila Nhary, Gustavo Vaz, além de Babaioff. A história é baseada no original “Tom à la Farme”, do autor canadense Michel Marc Bouchard. Arrebatado pela obra, Armando traduziu a peça, que aborda a inabilidade do indivíduo para lidar com o preconceito, a impotência, a violência e o fracasso.

Na história, após a morte do companheiro, Tom vai à fazenda da família para o funeral. Lá, descobre que a sogra nunca ouviu falar dele e que não sabia que o filho era gay.

O Teatro Poeirinha fica na Rua São João Batista 104, em Botafogo, no Rio. Até 17 de dezembro. Quinta a sábado, às 21h, e domingo, às 19h. R$ 60 (inteira). Telefone: 2537-8053.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top