Assine o fluminense

Claudia Tavares no Paço

Mostra apresenta 43 obras em diversos suportes (fotografias, aquarela, vídeos e objetos de forma instalativa) e partiu da observação da artista

Mostra apresenta 43 obras em diversos suportes (fotografias, aquarela, vídeos e objetos de forma instalativa) e partiu da observação da artista

Foto: Divulgação

Abre neste domingo (16), às 15h, no Paço Imperial, a exposição “Um Jardim em Floresta”, da fotógrafa Claudia Tavares. 

A mostra apresenta 43 obras em diversos suportes (fotografias, aquarela, vídeos e objetos de forma instalativa) e partiu da observação da artista, de uma umidade que brotava pelas paredes de seu ateliê no bairro de Laranjeiras, Rio de Janeiro e que terminou por criar a transposição entre o excesso e a falta. A artista resolveu levar a água acumulada por aparelhos desumidificadores, em garrafas, para um lugar de absoluta secura, o sertão de Floresta, lugarejo de Pernambuco e lá construiu um jardim a ser regado com a água transportada.

Claudia Tavares é Doutora em Processos Artísticos Contemporâneos pelo Instituto de Artes UERJ, Mestra em Artes pela Goldsmiths College, Londres e em Linguagens Visuais pela Escola de Belas Artes, UFRJ. 

O trabalho artístico se apoia principalmente na linguagem da fotografia e do vídeo, com pensamento instalativo em convívio com objetos, desenhos e cadernos de artista. 

Vem estabelecendo uma pesquisa artística que vai em direção a possíveis relações entre arte e natureza pensando a natureza como sujeito, como agente que reage ao trabalho de arte. 

O Paço Imperial fica na Praça XV de Novembro, 48, Centro do Rio. Domingo, às 15h; visitação de terça a domingo, das 12h às 19h, até 17 de fevereiro. Entrada franca. Classificação: livre. Telefone: 2215 2093.

 

 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top