Assine o fluminense

Como a leitura pode mudar a história e salvar uma vida

O livro conta a história de vida de Tatiana, que teve uma infância difícil, mas encontrou na literatura uma saída para sua vida

Escritora relata episódio ocorrido em sua infância que a marcou para sempre, aproximando-a do mundo dos livros

Divulgação

Por Brenda São Paio

A escritora Tatiana Souza lança seu livro infantil “O Livro Me Salvou” dia 21, quarta-feira, no Instituto de Educação Professor Ismael Coutinho (IEPIC), em São Domingos, Niterói, às 10h.  

O livro conta a história de vida de Tatiana, que teve uma infância difícil, mas encontrou na literatura uma saída para sua vida. Inicialmente, a escritora não havia registrado sua história no papel, apenas contava pelos locais em que frequentava quando lhe davam a oportunidade, mas, a partir de uma oficina de contação de histórias que participou, por influência de seu professor, Tati – como é carinhosamente chamada pelos amigos – resolveu fazer de sua história um livro. O nome escolhido para a autobiografia é especial, porque além de traduzir o que a literatura é para ela, também tem um significado pessoal. 

“O livro tem esse nome porque, quando eu tinha 5 anos, a parede do meu barraco caiu e uma coleguinha minha, de 11 anos, viu e começou a me gritar, depois começou a ler para mim o livro ‘amar é’, e, desde então, eu me apaixonei pela leitura e comecei a procurar ler por mim mesma, só porque ela abriu o livro em um momento de tragédia, na minha cabeça o livro iria me fazer feliz, iria me fazer sonhar. Livro para mim é amigo, é companheiro de caminhada, eu não me sinto sozinha, eu costumo falar que sou ‘casada’ com os livros e ‘moro’ com a literatura”, confidencia a escritora. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top