Assine o fluminense

arrow

Vocês estão sabendo? Há um plebiscito marcado para o dia 29 de outubro, para a população se manifestar sobre porte de arma de fogo por agentes da Guarda Civil Municipal. O tema é polêmico e o coronel Ibis Pereira alertou para o fato de se colocar mais armas nas ruas. A Guarda Municipal já treinou uma turma de 31 guardas.  

banner

Paz...

Foi em total clima de solidariedade e harmonia que moradores de Niterói, se reuniram na  Alameda Carolina, no último sábado, para pedir paz para nossa cidade. Familiares, amigos e vizinhos da mulher brutalmente assassinada há uma semana com uma facada nas costas souberam, em caminhada pela paz, mostrar profundo pesar pelo ocorrido e, ao mesmo tempo, cobrar providências contra a violência que transfigura Niterói. 

... lágrimas 

Muita gente se emocionou com os aplausos vindos de pessoas nas janelas de seus apartamentos nas ruas Comendador Queiroz e Mariz e Barros, e muitos olhos se encheram de lágrimas quando os participantes entoaram “Imagine”, de Jonh Lennon.

... e comoção

Pena que a comoção causada pelo assassinato não tenha sido compartilhada pela classe política. Apenas um vereador, Leonardo Giordano, esteve presente. Amanhã, a comunidade se reúne à noite na igreja da Alameda Alcides para discutir melhorias na segurança da região. É uma boa oportunidade para as autoridades finalmente aparecerem. 

Alma pura

Depois de um fim de semana recebendo as fabulosas lições do mestre monge Daiju, o mais graduado da América Latina, no Mosteiro do Morro da Vargem, em Vitória - ES, José Haddad chegou a Niterói com as energias renovadas. Afinal, a premissa filosófica é antiga, como diz Doge Zenji, no século XIII, “Estudar Budismo é estudar a si mesmo. Estudar a si próprio é esquecer de si próprio. Esquecer de si próprio é estar uno em todas as coisas”.  

arrow

Numa boa?

O Sindilojas questiona na Justiça a presença e a legalidade da ITB, em Icaraí, do “Top Bazar em sua 22ª edição”, pois entende que o seu caráter de eventualidade já se perdeu há muito tempo, tendo se transformado em verdadeira concorrência desleal aos comerciantes legalmente estabelecidos do bairro que pagam aluguel e impostos pesados, além de gerarem emprego! 

arrow

Impressões

“A cidade é um caos!!! Mas o que me impressionou foram as avenidas largas, um trânsito caótico, mendigos por todo lugar, às vezes um casebre ao lado de uma mansão, incrível!!! Pobre e rico vivendo no mesmo espaço...” (mensagem para essa colunista de Therezinha Zuli, que está em Nova Deli - Índia).  

banner

Scroll To Top