Assine o fluminense

Festa do orgulho nerd

Acontece nesta sexta e sábado, na Biblioteca Parque Niterói, no centro da cidade, a feira ‘Fantasia Brasil’, que vai reunir fãs de literatura fantástica, RPG e board games e escritores desse universo

O grupo “Fantasia Brasil” levará ao local uma feira literária. Haverá, ainda, bate-papos, palestras sobre literatura fantástica, distopias, darkfantasy, alta fantasia, folclore e também sobre o panorama da literatura nacional.

Foto: Douglas Macedo

Nesta sexta-feira e sábado, a Biblioteca Parque Niterói se transformará em um ponto de encontro de fãs de literatura fantástica, RPG e Board Games. O espaço será sede do evento voltado à literatura fantástica de autores brasileiros, recheado de atividades do mundo geek-nerd. O grupo “Fantasia Brasil”, por exemplo, levará ao local uma feira literária, com livros para todas as idades. Haverá, ainda, bate-papos, palestras sobre literatura fantástica, distopias, darkfantasy, alta fantasia, folclore e também sobre o panorama da literatura nacional.

Estão programadas outras atividades, como mesas e palestra de RPG, cosplayers, demonstração de jogos de tabuleiro, oficina de HQ e exposição de produtos ligados à literatura fantástica e universo da fantasia.

Cristina Pezel, uma das autoras dos livros da feira e também organizadora do evento, explica como veio a vontade de fazer uma feira literária sobre o universo geek.

“A Cláudia Ricci, que é a diretora da Biblioteca Parque de Niterói, recebeu maravilhosamente bem a proposta do evento e abraçou a ideia de transformar a biblioteca num ponto de encontro para fãs de literatura fantástica. Na feira, teremos várias atividades: mesas de debates, palestras, presença dos autores de fantasia conversando com leitores e autografando livros, sorteios, cosplayers de temática fantástica, expositores de produtos geek-nerd, mesas de RPG, oficina de história em quadrinhos e muito mais”, adianta Cristina.

Uma das atrações mais esperadas da programação é o swordplay medieval com o grupo Graal do Rio de Janeiro. Trata-se de uma luta simulada com espadas de espuma, com participação do público.

“Decidi criar o grupo Fantasia Brasil para levar o trabalho destes autores nacionais e locais ligados à cultura e à literatura, bem como espaços ligados à temática geek-nerd. Alcançamos, assim, o público adolescente, jovem e adulto e também o leitor iniciante, pois também há livros voltados para o público infantojuvenil”, revela.

Estarão presentes autores de outros estados brasileiros como Ian Fraser, da Bahia, e Clecius Duran, do Paraná, autoras niteroienses como Ana Lúcia Merege e Cristina Pezel e autores de outros municípios do Estado do Rio: André Regal; Diogo Andrade; Danilo Sarcinelli; João Paulo Silveira; Marcus Siani e Rafael Cordeiro. A feira também contará com participações especiais de Diego Ribeiro, editor de um dos maiores grupos no facebook sobre literatura fantástica (o “Reino dos Livros” e a página “Acervo do Leitor”), o escritor André Gordirro – à frente da mesa de RPG –, Hamilton Kabuna, com a oficina de HQ, e Matheus Barcelos, com a palestra sobre RPG. 

“Como somos escritores de literatura fantástica, os universos da fantasia são uma constante em nossas vidas, e isso tem uma grande afinidade com a cultura geek-nerd. No meu caso, acredito que, na maioria dos autores, os elementos que fazem parte do que denominamos como ‘geek-nerd’ fizeram parte também de nossas infâncias e juventudes”, admite Cristina. 

Quem acha que o universo geek é composto apenas de jovens e crianças está enganado. Cristina ressalta que as pessoas mais velhas estão cada vez mais se aproximando desse universo e lidando com os jovens em harmonia.

“Nunca vivenciei rivalidade ou ciúmes, pelo contrário. É uma sinergia total, uma troca muito divertida de ideias e colaboração. Não percebi se sofri preconceito. Hoje em dia, pelo contrário, se você estiver por fora do que acontece numa série, por exemplo, você é que pode sofrer preconceito. Há muitas definições sobre o que é abrangido pelo universo geek. Nem todo geek gosta de ler, necessariamente. E nem todo leitor ávido gosta de tecnologia e séries e HQ. Enfim, tem espaço para todas as denominações e rótulos culturais, mas, no nosso caso, o foco da feira é o universo fantástico e tudo que de certa forma se relacione com ele, com destaque para a literatura”, defende a organizadora, que não esconde a vontade de expandir o evento nerd. “Queremos realizar outras edições da Fantasia Brasil em espaços culturais, universidades e escolas, por exemplo”.

A Biblioteca Parque de Niterói fica na Praça da República, s/n, no Centro de Niterói. Sexta, às 14h, e sábado, às 10h. Entrada: franca. Classificação: livre. Telefone: 2722-0493.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top