Assine o fluminense

Maitê Proença comemora 40 anos de carreira atuando

Atriz protagoniza o monólogo ‘A mulher de Bath’ no Teatro da UFF

Com uma franqueza desconcertante, a personagem conta sua vida íntima

Foto: Divulgação

Maitê Proença segue em cartaz no Teatro da UFF mais este fim de semana com o espetáculo “A mulher de Bath”. De sábado a domingo, às 20h. A atriz escolheu o texto para comemorar seus 40 anos de carreira e 60 de vida.

A peça se passa em uma taberna qualquer, à beira de uma estrada, em plena Inglaterra medieval. Uma mulher experiente, bem-humorada e de franqueza desconcertante conta a história de sua vida: seus cinco maridos e a vida sexual, suas paixões, seus rancores e vinganças, seu profundo conhecimento dos homens e da alma humana. Sem poupar a ninguém, nem a si própria, fala das coisas como são, de forma irreverente e direta. 
A personagem tema da peça, a mulher de Bath, é uma mulher libertária, à frente de seu tempo, e não teme dizer o que pensa. Ela é uma das figuras basilares da literatura ocidental, precursora de Shakespeare e do indivíduo moderno. 

O texto é do escritor e filósofo inglês Geoffrey Chaucer (1343-1400), reconhecido como o pai da literatura inglesa, e faz parte de sua obra inacabada “Os Contos da Cantuária”, publicada pela primeira vez em 1475 e tida como uma das mais importantes da literatura inglesa e um clássico da literatura mundial. 

A tradução, de José Francisco Botelho, foi indicada ao Prêmio Jabuti e já é considerada uma referência contemporânea na tradução de Chaucer. Botelho buscou inspiração na poesia popular brasileira - do repente nordestino à trova gaúcha - para reviver a exaltação e a grandeza da Idade Média, em versos inspirados no cancioneiro popular e na poesia oral do interior do Brasil. 

A montagem tem como marca a contemporaneidade do pensamento teatral de Amir Haddad, aproximando o público dos atores de forma direta e sem mistérios. Tudo está à mostra: a preparação da cena, o jogo de luz, a operação do som. A proposta é perseguir a simplicidade e dialogar com todo tipo de público.

O Centro de Artes UFF fica na Rua Miguel de Frias, 9, Icaraí, em Niterói. De sábado a domingo, às 20h. R$ 60 (inteira). Classificação 14 anos. Telefone: 3674-7515. 

 

 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top