NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Rodrigo Pedrosa em nova mostra

Em “Deslocamentos – analogias no espelho”, o artista plástico niteroiense se debruça através de suas telas sobre questões que tratam da condição humana nos dias atuais

Divulgação

O artista Rodrigo Pedrosa apresenta a exposição “Deslocamentos – analogias no espelho” com curadoria de Osvaldo Carvalho. E ficará disponível para visitação no CCC, a partir desta quinta-feira (7), com encerramento em 10 de março.

As pinturas que Rodrigo Pedrosa apresenta vêm na sequência de sua mostra “Humanidades”, em que podíamos vislumbrar seus questionamentos sobre os rumos que estamos vendo nossas escolhas nos levarem: ao abismo da solidão, do medo e mesmo da autodestruição.

A ambiguidade que permeava aquele conjunto de esculturas e pinturas está, nas relações que cada conjunto de telas possui, refletida no espectro imagético selecionado e descrito pelo artista como eixo fundamental de suas investigações artísticas. Fica claro para aqueles que acompanham sua produção o quanto lhe é árduo debruçar sobre questões que tratam da condição humana nos dias de hoje.

É o artista que se ergue dos escombros e se põe em marcha na denúncia de acontecimentos cujo viés claramente aponta para a falência do que entendemos como civilização.

Em seus dípticos ficam também evidentes as confusões que a cada dia são criadas pela profusão de imagens que encontramos espalhadas na world wide web. Rodrigo é pródigo em perceber, coletar, contrapor, propor, instigar o confronto entre elas, por que mais que buscar enaltecer a imagem, ele busca salientar a relação entre coisas e fatos distintos, um reflexo que mostra o avesso dos eventos e seu duplo, talvez impossibilidades que se constituam num desafio para o futuro: como viver juntos?


Scroll To Top