Assine o fluminense

Niterói segue investindo em ações de sustentabilidade

Coleta seletiva da Clin já está recolhendo por mês 188 toneladas de resíduos recicláveis na cidade

A Clin possui projetos para reciclar papel, plástico, vidro e outros materiais

Foto: Prefeitura de Niterói/Divulgação

A Companhia de Limpeza de Niterói (Clin) já está recolhendo cerca de 188 toneladas de resíduos recicláveis por mês. A expectativa, agora, é conseguir melhorar ainda mais os índices da cidade, que alcançou esta semana o segundo lugar no ranking nacional de limpeza urbana. A pesquisa, encomendada e divulgada esta semana pelo Sindicato das Empresas de Limpeza Urbana (Selur) e pela Associação Brasileira de Resíduos Sólidos e Limpeza Pública, analisou 3.049 municípios. No cenário nacional, a cidade ficou somente atrás de Maringá, no Paraná.

“Vamos continuar avançando para ampliar ainda mais as nossas metas. A ideia é que cada um também se comprometa junto com o poder público colaborando com gestos e atitudes simples no dia a dia, como separar os resíduos para reciclagem ou colocar o lixo nos horários certos para evitar que parem em rios, mares e lagoas”, afirma Carlos Rocha, diretor responsável pela área de resíduos da Clin.

Segundo ele, são retiradas das ruas 13.334 toneladas, por mês, de resíduo de coleta domiciliar, e 3.167 toneladas de resíduo de varrição. Outros resíduos como galhos, lodos e entulhos chegam a acumular 3.500 toneladas.

Baseado na filosofia dos 3Rs “Reduzir, Reutilizar e Reciclar”, o programa de coleta seletiva vem desenvolvendo atividades educativas, de forma a conscientizar a população quanto à sua importância no sucesso deste trabalho. O sistema de recolhimento seletivo porta a porta é realizado em toda a cidade de forma setorizada, de acordo com os bairros e a demanda de resíduos. Após cadastro na Clin, o morador recebe todas as instruções sobre o processo de separação seletiva dos materiais.

Além dos recicláveis comuns (papel, plástico, vidro e metal), a Clin possui projetos para reaproveitamento de diversos materiais, tais como óleo de cozinha usado, pilhas, pneus e isopor.

Outros programas são o Recicla Niterói, que vem percorrendo os bairros conscientizando a população, e o Clin Curumim, que visa levar educação ambiental às crianças da rede municipal de ensino.

Resíduos – Os resíduos públicos coletados são destinados à Célula Emergencial do Morro do Céu, que fica no Caramujo. No local, tais resíduos são pesados e recebem o tratamento adequado e tecnicamente normatizado. Os resíduos domiciliares são destinados ao CTR de Alcântara – SG. Os resíduos de serviço de saúde são destinados ao CTR de Itaboraí. Os resíduos de construção civil são destinados ao CTR de Anaia-SG. Os resíduos recicláveis são doados para cooperativas de catadores, desta forma todo participante auxilia na preservação ambiental e na inserção social.
 
Óleo – O projeto ClinÓleo foi lançado em outubro de 2013, com o objetivo de orientar o descarte correto do óleo vegetal. Nos últimos anos cerca de 239 mil litros de óleo foram arrecadados e, até o momento, cerca de 200 estabelecimentos comerciais e condomínios estão cadastrados na Clin e têm o seu óleo usado recolhido regularmente por uma cooperativa parceira da companhia de limpeza. Os moradores também participam levando seu óleo, devidamente acondicionado, em um dos pontos de entrega voluntária. O ato garante ao participante um desconto na conta de luz, fruto de uma parceria da Clin com a Enel.
Pilhas – Desde março de 2016 a companhia de limpeza passou a receber pilhas usadas em seus ecopontos, e já arrecadou 600kg do material.

Pneus – Pneus despejados irregularmente atraem roedores e mosquitos transmissores de doenças. Entretanto, o Brasil já dispõe de tecnologia para reciclar o material, transformando-o em tapetes para carro, solado de sapato, pisos industriais, borrachas de vedação, asfalto, entre outros. A Ckub através de uma parceria com a cooperativa Reciclanip vem recebendo pneus em um dos seus distritos de limpeza, localizado na Rua Leonor da Glória, Largo da Batalha. A parceria teve início em 2005 e já deu a correta destinação para cerca de 924 mil pneus.

Isopor – A Clin é a primeira no Estado do Rio a realizar a coleta seletiva do poliestireno expandido (EPS), mais conhecido como isopor.
Mais informações sobre os projetos podem ser obtidas pelo 0800 022 2175 ou pelo site www.clin.rj.gov.br  .

Pontos de entrega voluntária existentes no município (ECOPONTO)

Icaraí: Rua Irineu Marinho, nº 466, esquina com Avenida Ary Parreiras

Largo da Batalha: Rua Leonor da Glória, s/nº

Engenhoca: Rua João Brasil, s/nº, em frente à Policlínica.

Cafubá: Avenida Raul de Oliveira Rodrigues (Antiga Avenida 7, Quadra 172 S/N°

Campo Belo: Rua O, S/Nº (ao lado da estação de esgoto)

Barreto: Horto Palmir Silva

São Lourenço: Rua Indígena, 72 (sede da Clin)

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top