Assine o fluminense

Sesi em São Gonçalo ganha novas instalações

Uma das novidades da unidade é a modernização dos espaços educativos

A escola reúne sete salas, com capacidade para 740 alunos. Além disso, o prédio conta com um laboratório de Química

Foto: Divulgação

O Sistema Firjan inaugura, na próxima quarta-feira (30), as novas instalações do Sesi São Gonçalo. Maior cidade do Leste Fluminense, com mais de um milhão de habitantes e PIB de R$ 15,5 bilhões, a unidade ganha cara nova, com ambientes mais amplos e espaços modernizados. O prédio, com dois andares totalmente reformados, tem dois andares e conta com uma infraestrutura diferenciada.

Uma das principais novidades da unidade é a modernização dos espaços educativos para a melhor aplicação do “Movimento Maker”, modelo educacional que tem como principal objetivo proporcionar novas formas de produção, novos ambientes e possibilidades de se trabalhar aumentando a colaboração e compartilhamento de informações ao dia a dia dos alunos, a escola oferece aulas experimentais e contextualizadas a partir de temas atuais que afetam a sociedade.

“São ambientes criados para fomentar a autonomia e o pensamento crítico dos estudantes, considerados tendência no mundo educacional”, explica a coordenadora de Educação Básica do Sesi São Gonçalo, Selma Gonçalves.

“O diferencial da Escola Sesi é a metodologia. Ensina a pensar e tem como foco a formação integral e a transformação do desenvolvimento do aluno, para que ele saiba fazer as melhores escolhas”, acrescentou Selma.

A escola reúne sete salas, com capacidade para atender 740 alunos. Além disso, o prédio conta com uma Sala Sesi Matemática e um laboratório de Química. O novo layout permitiu ainda a abertura de mais duas turmas de Ensino Médio Regular, articulado com curso técnico de Automação Industrial ou Administração. As inscrições para as novas turmas estão previstas para iniciar em outubro. Na Educação de Jovens e Adultos (EJA), serão 13 turmas.

Aluno do Ensino Médio articulado, Igor, de 17 anos, está completamente integrado à proposta do curso. “Descobri o que quero e que gosto de matemática e robótica. Depois que entrei no Sesi, vejo como a tecnologia é importante e muito bem-trabalhada em sala de aula. Estar aqui e fazer parte da turma e dos campeonatos é incentivador e desafiador”, ressalta o estudante.

A aluna Rayssa, de 16 anos, ressalta o engajamento promovido pelas aulas interativas: “Aqui estudamos o conteúdo, mas também temos muitas atividades práticas. As aulas com lousa digital são incríveis. Não consigo tirar os olhos. E temos os projetos com temas relacionados à ética e empreendedorismo. Aqui me sinto completa e sei que, quando sair daqui, estarei mais preparada para o mercado de trabalho”.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top