Assine o fluminense

Alunos da rede municipal têm um dia de ‘bodyboarders’ em Niterói

Ação faz parte do Itacoatiara Pro, etapa do Circuito Mundial que acontece na cidade

Principais atletas do mundo ensinaram técnicas básicas para as crianças

Tony D´Andrea/Itacoatiara Pro

Mais um dia de espera pelas melhores condições! Não foi nesta quinta-feira que o Itacoatiara Pro, etapa brasileira do Circuito Mundial de Bodyboarding, teve início. A organização fez uma chamada às 7h, mas as condições ainda não eram as melhores e mais um day off foi chamado. Segundo Chico Garritano, Head Judge do Circuito Mundial, um novo check-in técnico foi feito no final desta quinta para acompanhar uma ondulação que está encostando em Itacoatiara.

“Como era previsto o swell não encostou como imaginávamos. No final de tarde vamos analisar novamente as condições, pois a previsão aponta para uma ondulação de 1m para essa sexta-feira. Se isso se concretizar, teremos condições de realizar pelo menos uma fase do round não eliminatório”, avalia Chico Garritano. 

“A boa notícia é que o swell previsto para terça e quarta da próxima semana está cada vez mais consistente e tudo indica que teremos um final de janela de competição em condições muito boas”, completa.

Aproveitando o day off, a organização do Itacoatiara Pro realizou uma ação socioambiental com crianças da rede municipal de ensino de Niterói. Vinte e cinco alunos da Escola Municipal Mar Alegre participaram da atividade com os atletas do circuito mundial em um dia de muita descontração e aprendizado.

“Fizemos uma ação social tradicional do Itacoatiara Pro e foi muito especial. No primeiro momento as crianças tiveram uma aula de biologia marinha e aprenderam um pouco sobre o ecossistema”, explica Luiz Carlos Gallo, secretário municipal de Esportes e Lazer de Niterói.

Depois foi hora de aprender um pouco mais sobre os idiomas com atletas do circuito mundial falando em suas línguas nativas sobre a carreira e as viagens pelo tour. “Esse foi um momento bacana para as crianças verem a importância de aprender outros idiomas”, avalia Luiz Carlos Gallo. Ao final todos foram para a areia aprender os conceitos básicos do bodyboard e no final caíram na água, acompanhados dos principais atletas do mundo.
Uma nova chamada acontece na manhã desta sexta-feira (14) com possível início de competição.

 
Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top