Assine o fluminense

Após decepção na Austrália, Ferrari corre atrás no Bahrein

Escuderia não repetiu em Melbourne as expectativas dos treinamentos

Ferrari terá a chance de mostrar sua força no segundo Grande Prêmio da Fórmula 1: o GP do Bahrein, neste domingo

Divulgação

A Ferrari foi sem dúvida a grande sensação da pré-temporada da Fórmula 1, no Circuito da Catalunha, em Barcelona. Na pista espanhola, a escuderia italiana não só fechou a série de testes com o melhor tempo, mas foi também a equipe mais consistente e com melhor ritmo durante os trabalhos que antecederam a abertura da temporada.

Mas quando a coisa foi para valer em Melbourne, na Austrália, há duas semanas, as expectativas foram totalmente frustradas. Nenhum dos carros vermelhos terminou a prova sequer no pódio, com Vettel e Leclerc ocupando o quarto e quinto lugares, respectivamente, atrás das duas Mercedes de Bottas e Hamilton, e da Red Bull de Max Verstappen.

Sem conseguir ameaçar o trio de líderes em qualquer momento da corrida, a escuderia italiana deixou a Austrália sem saber o que deu errado, e passou as últimas duas semanas trabalhando intensamente em busca de respostas. 

“Nós fomos lentos praticamente em todos os pontos da pista, com exceção das curvas de alta velocidade. Havia claramente algo errado com o carro,” afirmou Sebastian Vettel na última quinta-feira, antes dos treinos livres para o Grande Prêmio do Bahrein, segunda etapa da temporada, que será realizado neste domingo.

Em Albert Park, a Ferrari de Vettel terminou a prova 57,1 segundos atrás de Valtteri Bottas, o vencedor, e mais de 30 segundos atrás da Red Bull de Verstappen.

“As últimas duas semanas foram muito intensas. Eu acho que temos algumas respostas, e aprendemos alguma coisa sobre o carro e nós mesmos que devem nos ajudar a ser mais competitivos aqui. Mas nós não estamos em posição de prometer nada, e a verdade é que temos que esperar para ver,” concluiu o alemão da Ferrari.

Se a Ferrai foi a grande decepção na Austrália, o destaque da prova de abertura do calendário foi o finlandês Valtteri Bottas. O companheiro de Lewis Hamilton na Mercedes fez uma temporada apagada em 2018. Não venceu uma prova sequer no ano passado, ao contrário do britânico, que conquistou 11 vitórias e alcançou seu quinto título mundial. O GP do Bahrein será neste domingo, com largada marcada para as 12h10 da tarde, no horário de Brasília.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top