Assine o fluminense

Botafogo e Vasco fazem duelo de opostos no Niltão

Equipes duelam na manhã deste domingo. Vasco quer vencer e Glorioso embalar

Se por um lado o Botafogo está embalado e confiante, por outro, o Vasco terá que se superar na casa do adversário

Vitor Silva/SS Press/Botafogo / Rafael Ribeiro/Vasco

Botafogo e Vasco fazem o clássico carioca da sétima rodada do Campeonato Brasileiro neste domingo, às 11h, no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

O Glorioso perdeu de 1 a 0 para o Palmeiras no fim de semana e aparece na parte intermediária da tabela de classificação com nove pontos. Porém, ganhou ânimo após golear o Sol de América do Paraguai por 4 a 0 e se garantir nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Situação muito mais tranquila que à do rival, que está afundado na lanterna com três pontos e ainda não sentiu o gostinho da vitória, que na rodada passada escapou nos últimos minutos durante o empate por 1 a 1 com o Fortaleza no Nordeste.

Eduardo Barroca, treinador do Botafogo, sabe que sua equipe vem evoluindo, mas entende que é preciso crescer ainda mais.

“Temos uma lista de coisas que precisamos fazer em campo para nos aproximarmos do máximo que podemos render. Precisamos jogar ainda mais contra o Vasco, pois se trata de um clássico e os dois times jogam no limite”, disse Eduardo Barroca.

O técnico Vanderlei Luxemburgo conseguiu colocar na cabeça dos jogadores do Vasco a necessidade de o jogo contra o Botafogo ser tratado como um recomeço.

“Nós sabemos que o momento não é um dos melhores, mas o time vem demonstrando evolução. O grupo é forte e sabe que pode conquistar as vitórias que precisa para melhorar a situação dentro da competição. Acredito que é questão de tempo para que isso aconteça. Buscamos a vitória, criamos para isso, mas infelizmente ela não veio contra o Fortaleza. Agora iremos trabalhar ainda mais forte. Queremos um resultado positivo contra o Botafogo para iniciarmos nossa virada e reencontramos o caminho das vitórias”, disse o volante Marcos Júnior.

Apesar dessa necessidade, os vascaínos esperam problemas pelo fato de o Botafogo estar embalado.

“Estamos passando por uma fase não muito legal no Brasileiro, precisamos reagir o quanto antes, até para termos mais tranquilidade e reconquistar a confiança da torcida. Tivemos uma boa atuação lá contra o Fortaleza, mas o resultado acabou não vindo, infelizmente deixamos escapar no final. Será mais um jogo complicado, pois se trata de um clássico e iremos enfrentar um adversário difícil. O Botafogo tem um time experiente e vem de goleada na Sul-Americana. Precisamos ter atenção e colocar em prática nossa estratégia”, analisou o meia Yan Sasse.

Se os vascaínos se preocupam com o momento botafoguense, os jogadores do Glorioso preferem minimizar o fato de o Vasco estar na lanterna.

“Estamos falando de um clássico, de um jogo sempre muito marcado pelo equilíbrio e com as duas equipes precisando fazer o resultado. Em um jogo como esse as duas equipes entram em campo sem pensar no que aconteceu durante a semana ou na posição na tabela de classificação. Existe a rivalidade, a vontade grande de ganhar e de pegar embalo de vez dentro da competição. A nossa expectativa é de um choque muito complicado e equilibrado”, disse o meia Luiz Fernando. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top