Assine o fluminense

Botafogo vive clima de eleição em mar de tranquilidade

Glorioso mantém planejamento para 2018 em meio a disputa eleitoral

A eleição no Botafogo está marcada para novembro e o atual presidente, Carlos Eduardo Pereira, vai ser vice na chapa de Nelson Mufarrej, que é atualmente o seu vice-geral. A inversão já estava prevista desde o último pleito. Pela oposição, o nome é de Marcelo Guimarães, que foi derrotado na eleição anterior. O processo eleitoral do Glorioso, porém, deve ser um dos mais tranquilos dos últimos anos e é tratado internamente como questão resolvida. A atual gestão tem convicção da reeleição e por isso mesmo já traça os planos, e os executa, de olho no próximo triênio.

Negociações envolvendo patrocínio e formação de elenco, que normalmente são interrompidas em estágio eleitoral, no Botafogo seguem a pleno vapor. Carlos Eduardo Pereira, inclusive, entende que não há motivo para que os processos sejam interrompidos.

“A outra candidatura se colocou como uma alternativa e nem como oposição porque sabe que estamos trabalhando com seriedade para reconduzirmos o clube ao melhor caminho, pois o cenário quando assumimos era de terra arrasada. Temos o apoio de praticamente todos os setores e botafoguenses. Acredito que será um processo eleitoral bem tranquilo e com a grande maioria optando pela manutenção do trabalho. O Nelson vai dar continuidade e estamos juntos com ele nesta caminhada. Portanto, não podemos interromper nada, pois o Botafogo depende justamente de muito trabalho e empenho”, explicou Carlos Eduardo.Dentro de campo o elenco voltou a treinar nesta quarta-feira (04), depois de ganhar dois dias de folga, e iniciou, com um trabalho regenerativo, a preparação para o confronto com a Chapecoense, dia 11 de outubro.  

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top