Assine o fluminense

Caio Martins poderá ser a nova casa do beisebol

Conversas estão adiantadas para utilização da Associação Nikkei

Para receber os treinamentos e jogos de beisebol, o campo do Caio Martins passará por ajustes e marcação

Evelen Gouvêa/Arquivo

O Complexo Esportivo Caio Martins, que já abrigou tantas partidas de futebol, poderá ser a nova casa do beisebol niteroiense. Isso porque as tratativas estão avançadas entre a administração local, a Superintendência de Desportos do Estado do Rio de Janeiro (Suderj) e a Associação Nikkei de Niterói, que mantém uma das melhores equipes do estado. O objetivo é que o time niteroiense já mande algumas partidas do Estadual deste ano na nova casa. 

Segundo Fabiano de Castro, conhecido como Paraná, atleta e um dos responsáveis pela equipe, uma conversa entre ele e o administrador do Caio Martins, Philip Clarke, tratou do uso do campo do complexo.
 
“A reunião que tivemos foi muito positiva e boa, porque já agendamos outra reunião com a direção de marketing da Suderj para tentar viabilizar os treinos e alguns jogos e, quem sabe, o mando dos jogos já para o Estadual deste ano, que está em andamento”, contou Panamá, reforçando que hoje a equipe tem mandado os seus jogos na cidade de Itaguaí, a mais de 80km de distância de Niterói.

A preparação da equipe neste ano foi difícil devido aos problemas enfrentados para conseguir um local de treinamento. A equipe treinava no campo da Concha Acústica de Niterói, no entanto, por motivos de eventos, os treinos passaram a ser feitos em outras cidades.

“Nossa preparação foi muito difícil neste ano, diferente do que aconteceu no ano passado. Agora no início deste ano, a Concha Acústica contou com uma programação extensa. Apesar do campo cedido pela Secretaria de Esporte e Lazer, acabamos tendo dificuldades para treinar. Treinamos uma vez na Universidade Federal Fluminense (UFF), mas a grama está alta, o que dificultou. Também realizamos treinos técnicos em campos de society em alguns condomínios”, relatou o jogador de primeira-base da equipe.

A Associação Nikkei já mostrou que vai brigar forte pelo título do Estadual 2019. Na primeira rodada da competição, eles venceram a equipe de Piranema por 10 a 3 e atropelaram o Volta Redonda por 11 a 0. Agora, o próximo desafio acontecerá no dia 26 de maio, no campo do Itaguaí, que é o único campo oficial de beisebol do Rio de Janeiro. 

“Realizaremos um treino neste final de semana em Papucaia, já que não estamos conseguindo treinar em Niterói”, explicou Panamá. Perguntado sobre os resultados alcançados, mesmo em meio às dificuldades, o jogador completou explicou que isso só é possível por causa do amor ao esporte.

“A Associação Nikkei tem se saído muito bem, não apenas a nível estadual, mas nacional. Em 13 anos competindo a nível amador, temos conseguido títulos expressivos, como o Nacional da categoria. Acredito que o amor e empenho que temos pelo esporte são as respostas, já que cada atleta tem sua profissão. Somos muito unidos dentro e fora de campo. Somos uma família aberta para a população de Niterói”, disse.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top