Assine o fluminense

Seleção Brasileira vence no sufoco

Com gols nos acréscimos, Brasil supera a Costa Rica por 2 a 0

Neymar comemora o segundo da Seleção, abraçado por um dos principais responsáveis pela vitória: Douglas Costa

Lucas Figueiredo/CBF

Técnico Tite teve boa leitura de jogo ao sacar Willian e colocar Douglas

André Mourão/Mowa Press

A Seleção Brasileira esteve muito perto de somar mais um resultado frustrante em sua 21ª participação em copas do mundo nesta sexta-feira. O novo desfecho amargo só não aconteceu graças a Philippe Coutinho, que já nos acréscimos apareceu na área para ficar com a sobra do domínio de Gabriel Jesus e bater à queima-roupa, abrindo o placar para o Brasil. Antes do apito final, aos 51, Neymar completou o passe de Douglas Costa para fazer 2 a 0 e fechar os trabalhos no Estádio Krestovsky.

Novamente a Seleção Brasileira foi alvo de polêmica com o árbitro de vídeo. Aos 32 minutos do segundo tempo, o holandês Bjorn Kuipers assinalou pênalti para o time do técnico Tite, contudo, ao rever o vídeo do lance à beira do gramado, voltou atrás e cancelou a penalidade, o que levou os jogadores à loucura.

Embora tenha pressionado os costa-riquenhos durante os 90 minutos, a Seleção Brasileira mostrou pouco poder criativo e sofreu para infiltrar na defesa adversária. Agora, o time canarinho decide a primeira colocação do Grupo E contra a Sérvia, na próxima quarta-feira, em Moscou. A já eliminada Costa Rica, por sua vez, pega a Suíça, no mesmo dia e horário.

O início do jogo foi de imposição da Seleção Brasileira. Mais equilibrado, o time do técnico Tite procurou rodar mais a bola em comparação à partida de estreia, em que optou por construir as jogadas exclusivamente pelo lado esquerdo. Desta maneira, Fagner, substituto de Danilo, foi mais ativo e até contribuiu no setor ofensivo, pressionando a saída de bola rival para recuperá-la mais próximo do gol adversário.

Na etapa complementar a Seleção Brasileira voltou a campo com Douglas Costa na vaga de Willian, e o time pareceu ter melhorado com a alteração. Aos 32 minutos, a ameaça brasileira, poderia, enfim, ser revertida em gol, já que o árbitro Bjorn Kuipers marcou pênalti em Neymar, teoricamente impedido de bater dentro da área por González. Na revisão do vídeo à beira do campo, porém, o holandês voltou atrás em sua decisão e cancelou a penalidade.

Apostando na agilidade de Douglas Costa, o time canarinho explorou bastante a ala direita, mas foi na esquerda onde a jogada do primeiro gol verde e amarelo se iniciou. Gabriel Jesus tentou dominar o cruzamento dentro da área e, na sobra, já nos acréscimos, Philippe Coutinho apareceu de surpresa para bater seco, sem qualquer chance para Keylor Navas. Aos 51, ainda deu tempo de Neymar completar o passe de Douglas Costa e fechar os trabalhos em São Petersburgo.

Superioridade nos números da partida - Quem vê o placar em 2 a 0 acredita que a Seleção Brasileira não teve grandes dificuldades para derrotar a Costa Rica. No entanto, a partida se mostrou bastante dura para o Brasil. Para conseguir chegar aos dois gols, a equipe precisou finalizar 23 vezes ao gol adversário. Destes, apenas nove tiveram a direção correta do gol, além de uma na trave, com Gabriel Jesus numa cabeçada no segundo tempo.

Apesar da dificuldade em marcar gols, o Brasil foi muito superior em todas as estatísticas em relação ao seu adversário. Se o Brasil finalizou 23 vezes, a seleção da Costa Rica chutou ao gol em apenas quatro oportunidades e nenhuma com a direção correta ao gol de Alisson.

Na posse de bola, o Brasil foi também muito melhor, já que esteve com ela em 66% do tempo. Com essa posse, a equipe buscou furar o bloqueio costa-riquenho através do passe, por isso tocou a bola 742 vezes, contra apenas 274 da equipe adversária.

Neymar ultrapassa Romário - Com o gol contra a Costa Rica, já nos acréscimos, Neymar ultrapassou Romário na lista dos maiores artilheiros da Seleção Brasileira. Agora, o craque do Paris Saint-Germain é o quarto atleta que mais balançou as redes com a camisa canarinho de maneira isolada, com 56 gols em 87 jogos.

Neymar já havia igualado Romário no último amistoso do Brasil antes de iniciar sua campanha na Copa do Mundo, contra a Áustria, em Viena. Na ocasião, o time do técnico Tite venceu por 3 a 0, com direito a um gol do camisa 10, que chegou a 55 gols e igualou Romário.

Agora, Neymar tem à sua frente apenas três dos maiores jogadores da história do futebol: Pelé, Ronaldo e Zico. O primeiro soma 77 gols em 92 jogos. O Fenômeno, por sua vez, balançou as redes 62 vezes em 99 partidas. Já o Galinho de Quintino marcou 66 gols em 89 confrontos. Neymar também desempatou com Gabriel Jesus na lista dos artilheiros da Seleção na era Tite. 

Mais uma vez, Philippe Coutinho mostrou faro e marcou o primeiro gol do Brasil

André Mourão/Mowa Press

‘Mago’ tem dificuldades

A Seleção Brasileira sofreu para conquistar sua primeira vitória na Copa do Mundo da Rússia. Autor do gol que abriu o triunfo decisivo alcançado na manhã desta sexta-fera (22), o meia Philippe Coutinho valorizou o resultado diante da Costa Rica em São Petersburgo.

“Com certeza, é uma emoção muito grande. Foi um jogo muito difícil. Desde o primeiro minuto, a gente tentando, buscando os chutes de fora da área. No final, fomos premiados pela atuação do grupo. Todo o mundo correu, se dedicou e merecemos a vitória”, declarou.

O time comandado por Tite se lançou ao ataque durante a etapa complementar e pressionou em busca do gol. Aos 46 minutos, Marcelo cruzou e Firmino ajeitou para Gabriel Jesus. O centroavante tentou dominar e Philippe Coutinho apareceu para completar diante de Keylor Navas.

“A bola sobrou, o Gabriel protegeu bem e, graças a Deus, consegui fazer o gol. O mais importante é a equipe ganhar e somar os três pontos”, afirmou Coutinho, que já contabiliza dois gols na Copa do Mundo da Rússia, em entrevista à TV Globo na saída do gramado.

Coutinho tem um problema para se preocupar até o fim da Copa do Mundo: cartão amarelo. Isso porque o jogador está pendurado, ao lado de Neymar e Casemiro. Caso recebam o segundo cartão, ficarão de fora no jogo seguinte, caso avancem.de fase. Os cartões zeram apenas para a final. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top