Assine o fluminense

Corinthians visita o Bahia e tenta superar a desconfiança

Equipes se enfrentam às 16h na Arena Fonte Nova, que estará lotada

O Corinthians passou por momentos ruins e foi bastante questionado, mas chega à sua estreia no Brasileiro campeão estadual e um dos favoritos à conquista do torneio nacional. A equipe, campeã das recentes edições de 2015 e 2017, entra em campo pela primeira vez na edição de 2019 neste domingo, às 16h (de Brasília), para encarar o Bahia, na Fonte Nova, em Salvador.

Cheio de moral pelo título do Campeonato Paulista, conquistado no final de semana passado, e pela vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, celebrada na quarta-feira, o Alvinegro vai a Salvador para tentar repetir o sucesso visto na última vez em que teve Carille no seu banco de reservas por todo o Brasileiro.
A ideia é começar o Brasileiro impondo um bom ritmo de pontos conquistados, apostando principalmente em estar no grupo dos cinco primeiros na parada para a Copa América. A competição vai ser interrompida para o torneio de seleções na nona rodada.

“Sabemos que tem que ser forte dentro de casa, então vamos para fora para pelo menos somar pontos e em casa ganhar o máximo de jogos possíveis para brigar lá em cima na tabela”, disse o atacante Clayson, um dos titulares que deve ser utilizado no embate. Vários dos seus companheiros, porém, não ficarão à disposição de Carille.
O zagueiro Henrique, o lateral esquerdo Danilo Avelar, o meio-campista Júnior Urso e o atacante Gustagol, que já não enfrentaram a Chape no meio da semana, devem seguir fora contra o Bahia. Fagner, que deixou o jogo contra os catarinenses com muito desgaste físico, é outro que preocupa.

Do outro lado, o Tricolor baiano ostenta um retrospecto semelhante, com título estadual e vaga nas oitavas da Copa do Brasil assegurada contra o Londrina, na quinta-feira. A equipe do técnico Roger Machado, porém, conseguiu crescer no primeiro semestre depois de dois tropeços: eliminação na fase de grupos da Copa do Nordeste e na primeira fase da Copa Sul-Americana.

O treinador agora busca impor pressão sobre o Alvinegro para largar bem na competição. O maior trunfo fica pela juventude do trio de armadores Ramires, Shaylon e Artur, responsáveis por municiar o centroavante Fernandão. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top