NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Goleada e baile rubro-negro no Maracanã

Diego marcou o primeiro gol do Flamengo, no início do primeiro tempo no Maracanã. Meia foi muito aplaudido

Alexandre Vidal/Flamengo

O Flamengo deu mais um passo rumo as oitavas de final da Libertadores ao golear por 6 a 1 o San José-BOL, nesta quarta-feira, no Maracanã. Com o resultado, os rubro-negros chegaram a nove pontos e se igualaram ao Peñarol-URU na liderança do grupo D, mas a frente no saldo de gols. Já os bolivianos, com apenas um, está eliminado.

Os donos da casa abriram o placar logo aos dois minutos, com Diego. Dois minutos depois, o zagueiro Toco foi expulso e deixou o San José com um jogador a menos. Mesmo assim, os bolivianos empataram com Saucedo. Ainda na etapa inicial, Éverton Ribeiro fez o segundo dos cariocas. No segundo tempo, Arrascaeta marcou o terceiro, Éverton Ribeiro fez o quarto, Vitinho o quinto e Pará fechou a goleada.

Na próxima rodada, o Flamengo vai até Quito para encarar a LDU-EQU, no dia 24. No mesmo dia, o San José recebe o Peñarol, na Bolívia.

O Flamengo começou com tudo e já assustou logo com um minuto. Arrascaeta recebeu passe de Éverton Ribeiro e chutou para boa defesa do goleiro Lampe. Só que aos dois, os rubro-negros abriram o placar no Maracanã. Após cobrança de escanteio, Bruno Henrique desviou a bola chegou em Diego que mandou para a rede e contou com a falha do arqueiro boliviano.

Para melhorar a situação dos donos da casa, o San Jose ficou com um a menos um minuto depois do revés. Toco fez falta em Bruno Henrique e recebeu o cartão vermelho direto. Só que na primeira chegada ao ataque, o San Jose surpreendeu e empatou a partida. Sanguinetti finalizou para grande defesa de Diego Alves. Saucedo pegou o rebote e mandou para a rede.

De tanto insistir, os donos da casa chegaram ao gol aos 30 minutos. Bruno Henrique tocou para Éverton Ribeiro na área e o meia mandou para a rede na saída do goleiro.
No segundo tempo, o Flamengo voltou em busca do gol e rondou a área do San Jose até os 11 minutos. Arrascaeta recebeu belo cruzamento, dominou no peito e chutou sem chance para Lampe.

Com os bolivianos sem qualquer poder de reação, os donos da casa seguiram no ataque e chegaram ao quarto gol aos 34 minutos. Pará chegou na linha de fundo e tocou para Éverton Ribeiro mandar para a rede.

O Flamengo não diminuiu o ritmo e ampliou aos 38 minutos. Willian Arão foi puxado na área e o árbitro marcou pênalti. Vitinho cobrou com categoria para marcar o quinto no Maracanã. Nos minutos finais, os cariocas diminuíram o ritmo, mas ainda marcaram o sexto gol aos 42 minutos. Pará recebeu passe na área e tentou o cruzamento, mas viu a bola bater em Gutiérrez e ir para a rede e dar números finais no Maracanã.

Scroll To Top