Assine o fluminense

Japão e Senegal empatam por 2 a 2 e lideram Grupo H

Japão e Senegal fizeram um jogo movimentado neste domingo (24) em Ecaterimburgo, com quatro gols e muita disposição. O empate em 2 x 2 mostrou um Japão veloz, que jogou de igual para igual com um time mais alto e fisicamente mais forte. O empate foi justo e refletiu o que foi o jogo. Os momentos de superioridade se alternaram entre asiáticos e africanos em vários momentos do jogo

O resultado dá aos dois times a vantagem do empate na última rodada para garantirem a classificação. As duas seleções têm 4 pontos no grupo H. Independente do resultado entre Polônia e Colômbia, que jogam ainda hoje, senegaleses e japoneses continuarão nas duas primeiras colocações ao fim desta segunda rodada.

O jogo - Senegal começou o jogo pressionando, com mais volume de jogo e dando pouco espaço para os japoneses atacarem. Aos 11 minutos, os africanos chegaram ao primeiro gol, com Sadio Mané. Sabaly chutou já dentro da área e Kawashima espalmou. Mas Mané estava bem colocado, na frente do goleiro japonês. A bola rebatida por Kawashima bateu nas pernas do camisa 10 senegalês e entrou.

Após sofrer o gol, o Japão melhorou na partida, ficando com mais posse de bola e presença no campo adversário. E o empate veio aos 33 minutos. Nagatomo entrou na área e tocou para Inui, que acertou o canto do goleiro K. N'Diaye com um belo chute. Aos 38 minutos, o Senegal tentou responder com um ataque rápido. Niang chegou ao ataque com velocidade, acompanhado pela defesa japonesa. Ele bateu para o gol, mas Kawashima defendeu.

Segundo tempo - O Japão começou um pouco melhor a segunda etapa. E aos 14 minutos, por muito pouco não veio a virada japonesa. Shibazaki cruzou rasteiro dentro da pequena área para Osako, mas o atacante japonês furou na hora da conclusão. Pouco depois, Inui quase marcou seu segundo gol no jogo. Recebeu passe de calcanhar de Osako pela esquerda do ataque e deu um chute forte. A bola explodiu no travessão enquanto o goleiro senegalês só pode olhar.

Percebendo o perigo que rondava a área, o Senegal tratou de atacar. Sabaly, pela esquerda da área, cruzou para o meio, Niang ajeitou de calcanhar e Wagué, vindo pelo lado direito, fuzilou para o gol. Senegal 2 x 1 e festa africana na arquibancada.

Àquela altura da partida, o Japão não merecia a derrota. E a justiça, que nem sempre está presente no futebol, foi feita aos 32 minutos. Após cruzamento na área africana, o goleiro saiu mal do gol e a bola sobrou para Inui rente à linha de fundo. Ele cruzou rasteiro para Honda. O meio-campista veterano da seleção japonesa dominou e bateu para o gol, empatando o jogo.

Na última rodada da primeira fase o Japão enfrenta a Polônia em Volgogrado e Senegal joga contra a Colômbia em Samara. As duas partidas acontecerão na próxima quinta-feira (28) às 11h.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top