Assine o fluminense

Richarlison pede Everton no time

Atacante defendeu o companheiro no time titular, por ter estilo de jogo agressivo contra defesas fechadas

Atacante tem melhorado setor ofensivo da seleção durante os jogos da Copa América. Richarlison fez lobby

Lucas Figueiredo/CBF

Em meio às atuações decepcionantes da Seleção Brasileira nas duas partidas de Copa América até aqui, o atacante Everton conseguiu se destacar como peça ofensiva do time comandado por Tite. Reserva contra Bolívia e Venezuela, o jogador do Grêmio tem o apoio até de um concorrente de posição para ganhar a vaga de titular.

“Com certeza (o Everton merece uma chance como titular). Quando pega uma equipe fechada assim, esses lances resolvem a partida. Ele tem entrado muito bem e espero que continue assim”, afirmou Richarlison, titular nas duas partidas até aqui.

No segundo tempo na Arena Fonte Nova, contra a Venezuela a torcida pediu em coro a entrada de Everton e Tite mandou o atacante a campo no lugar de David Neres. Individualmente, ele construiu as jogadas do segundo e terceiro gols da Seleção Brasileira. Assim, Richarlison foi questionado se os dribles estão fazendo falta ao time canarinho.

“A Venezuela é uma equipe que marca atrás da linha da bola, todos os jogadores. É difícil penetrar. Tentamos o facão, mas não deu certo. Tivemos três gols anulados, mas o juiz foi correto. Infelizmente não saíamos com a vitória, empate com sabor de derrota”, completou.

O Brasil lidera o grupo A da Copa América com 4 pontos ao lado do Peru, seu próximo adversário, no sábado, na Arena Corinthians. A Venezuela tem dois pontos, enquanto a Bolívia está com zero.

Peru – O Brasil se prepara para enfrentar o Peru na segunda rodada da Copa América, partida que acontecerá no próximo sábado, às 16h. As duas seleções voltarão a se enfrentar em amistoso na data fifa após o fim do torneio continental, no dia 10 de setembro, uma terça-feira. A partida será realizada no estádio Los Angeles Memorial Coliseum, na Califórnia.

A CBF já havia confirmado que o Brasil enfrentará a Colômbia no dia 6 de setembro, em Miami, no Hard Rock Stadium. Essas partidas amistosas serão os dois primeiros compromissos da Seleção após a Copa América.

No retrospecto dos confrontos contra o Peru, a Seleção leva ampla vantagem. O Brasil venceu 30 partidas, empatou nove jogos e perdeu para os peruanos em apenas quatro ocasiões. O saldo de gols também é muito positivo: o time verde e amarelo marcou 90 gols e tomou 29.

A primeira vez que Brasil e Peru se enfrentaram foi na Copa América de 1936, partida essa que terminou com uma vitória de 3 a 2 para os brasileiros. Na última vez que se encontraram, a Seleção saiu vencedora por 2 a 0, em jogo válido pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 e disputado em Lima.

Regenerativo – Após o empate sem gols com a Venezuela, na Arena Fonte Nova, em Salvador, a Seleção Brasileira voltou aos treinos nesta quarta-feira. As atividades desta tarde aconteceram no Barradão e contaram com os reforços de sete atletas do clube baiano.

Sem Fernandinho e os titulares que encararam a Venezuela, Tite cobrou finalizações dos brasileiros. No duelo da noite de terça-feira, a equipe canarinho deu apenas um chute na meta, com Richarlison, no primeiro tempo (os gols anulados não entram nesta contagem).

Com quatro pontos em dois jogos, o Brasil volta a campo no próximo sábado, às 16h (de Brasília), em Salvador, para encerrar sua participação no Grupo A da Copa América. 

Definição para as meninas

A definição do Grupo D da Copa do Mundo Feminina, que aconteceu nesta quarta-feira, não ajudou o Brasil a conhecer seu adversário nas oitavas de final. Com a Seleção, no Grupo C, e a China, no B, garantidas entre as quatro melhores terceiras colocadas, seguem existindo seis cenários possíveis e, em cinco deles, o rival será a França, no próximo domingo, às 16h (de Brasília), em Le Havre. No entanto, a possibilidade de o adversário brasileiro ser a Alemanha, no sábado, às 12h30 (de Brasília), em Grenoble, aumentou.

O Grupo D da Copa do Mundo Feminina teve seu encerramento na tarde desta quarta-feira. No Parque dos Príncipes, a Escócia abriu três gols de vantagem, mas a Argentina reagiu e arrancou um improvável empate no jogo mais emocionante da competição até aqui. A Inglaterra, por sua vez, saiu na frente do Japão, segurou a vantagem e ainda fez mais um para vencer por 2 a 0 em Nice. Para garantir presença nas oitavas, a seleção argentina precisa torcer por empates nos confrontos entre Camarões e Nova Zelândia e Tailândia e Chile. As partidas acontecem nesta quinta.

Melhor início da partida, a Argentina quase abriu o placar aos 17 minutos, quando Bonsegundo invadiu a área, cruzou e Larroquette cabeceou no travessão. 

No rebote, Jaimes finalizou para grande intervenção Alexander. A resposta da Escócia foi fatal. Logo em seguida, Cuthbert fez boa jogada e obrigou Correa a fazer bela defesa. Na sequência do lance, a própria camisa 22 rolou para Little completar e abrir o placar.

Precisando de uma virada garantir a classificação, as argentinas tomaram as rédeas da partida e encurralaram as rivais, mas não conseguiram chances de gols. Retraída, a Escócia contou com a força da bola parada aumentar a vantagem aos três minutos do segundo tempo. Weir cruzou da direita, e Beattie, livre na pequena área, cabeceou para as redes. Em nova investida pelo alto, Crichton cabeceou, Correa desviou e a bola bateu na trave. No rebote, Cuthbert mandou para as redes. A partir daí, a Argentina reagiu na partida. Ippolito puxou contra-ataque pelo meio e encontrou Menendez, que marcou o primeiro das sul-americanas. Em mais um contragolpe, Bonsegundo recebeu na entrada da área, girou e acertou belo chute. A bola bateu na trave e entrou: 3 a 2.

No jogo mais alucinante da Copa do Mundo Feminina, a Argentina teve um pênalti após a árbitra consultar o VAR. Na marca da cal, Bonsegundo bateu fraco no canto direito, Alexander defendeu e ainda salvou no rebote. O árbitro de vídeo, porém, entrou em ação e indicou que a goleira adiantou. Depois de ganhar mais uma chance, Bonsegundo chutou com segurança, no meio do gol, marcou e incendiou o final da partida. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top