Assine o fluminense

Tricolor poderá poupar jogadores

Por causa da sequência de jogos, Fluminense não deverá entrar com força máxima no clássico deste domingo

Técnico Fernando Diniz poderá dar oportunidades para novos atletas domingo

Lucas Merçon/Fluminense

Passada a vitória de 3 a 0 sobre o Boavista, o Fluminense já começa a pensar na sequência da temporada. O próximo desafio é o clássico contra o Botafogo neste domingo, às 19h (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela quarta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca.

Na liderança do Grupo B com dez pontos conquistados, o Tricolor tem a vaga nas semifinais praticamente assegurada. Dessa maneira, o técnico Fernando Diniz trabalha com a hipótese de preservar alguns titulares diante dos botafoguenses.

A possibilidade de poupar alguns titulares se deve ao duelo contra o Antafogasta, no Chile, pela Copa Sul-Americana. O choque com os chilenos, que é válido pela rodada de volta da primeira fase, acontecerá na próxima quinta-feira.

“Vamos ver como vamos montar a equipe para o clássico pensando no jogo no Chile. Vou aguardar o treino de sábado para tomar a decisão”, disse Fernando Diniz.

O Fluminense tem algumas certezas para esta partida. O zagueiro Digão, que se recupera de fratura da fíbula da perna esquerda, continua de fora, cedendo a vaga para Léo Santos. Apesar de ter sido substituído contra o Boavista com dores na perna direita, o meia Paulo Henrique Ganso tem escalação assegurada. Isso por que o jogador não foi inscrito na Copa Sul-Americana e não vai ao Chile.

“É uma pena não poder atuar nesta decisão, mas tem o clássico e estou preparado para este jogo”, disse Ganso.

Dentre os jogadores que têm mais chances de serem preservados são os que apresentam mais riscos de lesão, como o lateral-direito Gilberto. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top