Assine o fluminense

Tricolor volta a usar três zagueiros no time

Com a chegada de Marcelo Oliveira este sistema havia sido deixado de lado

O Fluminense jogou boa parte da temporada no esquema com três zagueiros, que o técnico Abel Braga entendia ser o melhor para o elenco. Com a chegada de Marcelo Oliveira este sistema foi deixado de lado, uma vez que o treinador nunca escondeu que não gostava de utilizá-lo. Porém, na noite de quinta-feira, Gum, Digão e Ibañez foram titulares na vitória de 2 a 0 sobre o Deportivo Cuenca, que encaminhou a classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana.

O 3-5-2 de Marcelo Oliveira correspondeu à expectativa e por isso mesmo foi aprovado pelo treinador. “Foi uma circunstância do jogo, pois entendemos que a bola aérea seria muita exigida. Os zagueiros foram muito acionados pelo alto e fizemos a opção para neutralizarmos essas ações”, disse Marcelo de Oliveira, logo após o duelo desta quinta..

Embora não seja seu esquema preferido, Marcelo Oliveira não descarta voltar a usá-lo. “Gostei mais do três cinco dois que utilizamos neste jogo do que nas outras ocasiões. Podemos sim repetir”, afirmou o técnico.

O elenco do Flu deixou o Equador nesta sexta-feira e a delegação não retornou ao Rio de Janeiro. O destino foi Santa Catarina, onde o time enfrenta a Chapecoense na noite da próxima segunda-feira, às 20h00 (horário de Brasília), na Arena Condá, em Chapecó (SC), pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

Como o desgaste da viagem foi muito grande, o time que vai a campo diante da Chapecoense só será definido no dia do jogo, com titulares que apresentem risco de desgaste ou lesão sendo poupados. Para isso, o técnico tricolor já iniciou o processo de avaliação do elenco, junto à comissão técnica do Fluminense.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top