Assine o fluminense

‘A comunidade deu a resposta’, afirma Rodrigo Pacheco


Presidente da Mocidade Independente de Padre Miguel ficou feliz com o rendimento da agremiação no ensaio técnico

Verde e branca da Zona Oeste ensaiou com cerca de dois mil componentes divididos em 29 alas e seis setores

Divulgação/Eduardo Hollanda

O vice-presidente da Mocidade Independente de Padre Miguel, Rodrigo Pacheco, ficou muito feliz com o rendimento da agremiação no ensaio técnico realizado na noite deste domingo, na Marquês de Sapucaí. Ele ressaltou a correção técnica do treino, que foi bem parecido ao que a escola já vem realizando desde novembro na Guilherme da Silveira, em Bangu.

"Acho importante falarmos sobre a capacidade de entrega da nossa comunidade. Entendemos que o tempo entre a oficialização e o nosso ensaio de fato foi bem curto, menos de três dias completos, o que influencia na preparação e na rotina de cada um. Mas aceitamos esse desafio por quê confiamos neles, e a comunidade deu a resposta. Vi uma escola evoluindo perfeitamente e cantando muito! A avaliação é extremamente positiva. Todos os parâmetros técnicos foram atendidos, e somados ao barracão que temos, não tenho dúvidas que brigaremos pelo título mais uma vez", afirmou Rodrigo.

A verde e branca da Zona Oeste ensaiou com cerca de 2.000 componentes divididos em 29 alas e seis setores. Mesmo tendo que driblar alguns problemas referentes ao som e o excesso de pessoas na pista, o que atrasou o início do ensaio, a Mocidade brindou o público da forma esperada.

"Creio que o público presente no Sambódromo tenha ficado contente com a passagem da Mocidade. O carnaval precisa disso, o ensaio técnico precisa estar no calendário da cidade permanentemente. Aproxima as escolas de um público que não consegue adquirir um ingresso para o desfile e serve como divulgação para quem ainda está em dúvida se compra ou não. Tivemos alguns problemas com o som inicialmente e o excesso de pessoas sem função na Pista logo no início. Acho que isso precisa ser revisto para os próximos ensaios, mas a escola passou por cima desses problemas", completou.

 A Mocidade Independente será a sétima escola a desfilar na segunda-feira de carnaval com o enredo ‘’Eu sou o tempo. Tempo é vida’’, desenvolvido pelo carnavalesco Alexandre Louzada. A Estrela Guia busca o sétimo título de sua história.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top