NITERÓI/RJ
Min:   Max:

São Gonçalo decide rumo do carnaval

Fábio Montibelo, presidente da Porto da Pedra, segue na expectativa da subvenção

Evelen Gouvêa / Arquivo

O futuro do carnaval de São Gonçalo ainda é incerto. Depois de três anos sem o desfile das escolas de samba na Rua Doutor Francisco Portela, no Paraíso, o evento ainda está fora dos planos da prefeitura. Nesta segunda-feira, o Comitê Organizador do Carnaval do município se reunirá para decidir os rumos da folia gonçalense. 

De acordo com a Prefeitura de São Gonçalo, a reunião acontecerá com representantes das pastas que envolvem o carnaval, entre elas a de Cultura, Esporte e Lazer, Saúde e Comunicação. Atualmente, o calendário da folia na cidade inclui apenas os blocos e carnavais de rua. Faltando pouco mais de um mês para os festejos, o Executivo ainda não tem uma programação definida. 

“Todo ano, a prefeitura recebe outras demandas (de carnavais de bairro), de outros locais. Desta forma, são avaliados pontos como disponibilidade financeira, logística e segurança. Os carnavais de bairro ainda estão em fase de análise, portanto, a programação ainda não foi concluída”, disse a prefeitura, através de nota. 

Subvenção - A Prefeitura de São Gonçalo firmou o compromisso de ajudar financeiramente a Porto da Pedra, escola que representa a cidade no carnaval do Rio de Janeiro. No entanto, não deu prazos para o pagamento da subvenção. 

Segundo o presidente da escola, Fábio Montibelo, que se reuniu com a prefeitura, o valor acordado seria de R$ 100 mil, apesar de o Executivo dizer que o valor ainda não foi definido. 

“A prefeitura está ajudando a Porto da Pedra e prometeu uma ajuda de 100 mil reais. Estamos com tudo bem-adiantado”, declarou Montibelo. 

A Prefeitura de São Gonçalo disse que está buscando ajuda de empresários para aumentar a ajuda financeira. 

Scroll To Top