Assine o fluminense

Viradouro recebe ‘time’ de peso no 1º ensaio de quadra de 2018



Atores, musas e até esportista marcaram presença na sede da escola niteroiense

Lorena Improta e Barbara Reis durante ensaio da vermelho e branco, no Barreto

Foto: André Redlich / Divulgação

Os atores Lucas Veloso e Rodrigo Fagundes vão estrear na Viradouro no próximo carnaval. Eles estarão lado a lado na Sapucaí como principais destaques da terceira alegoria (“Reino da Ficção”), numa referência ao clássico da literatura e do cinema “O médico e o monstro”. O intérprete de Didi Mocó no remake de “Os Trapalhões” vai dar vida ao “médico”, enquanto Rodrigo, que acaba de sair do ar como o Nelito de “Pega Pega”, será o “monstro”.

Os dois, que foram convidados a integrar a Família da Viradouro pelo produtor artístico Marcelo Martins, participaram, na noite desta terça-feira, do primeiro ensaio de quadra deste ano. Mas antes de caírem no samba em Niterói, eles estiveram no barracão da escola, na Zona Portuária, quando conversaram com o carnavalesco Edson Pereira sobre os detalhes da presença deles no espetáculo da vermelho e branco.

O ensaio contou ainda com outras presenças ilustres, como o ator niteroiense Rafael Zulu e Acelino Popó Freitas, ex-campeão de boxe que se aposentou definitivamente dos ringues em novembro do ano passado.

Também brilharam na quadra na noite desta terça, ao lado da rainha de bateria Raissa Machado, a assistente de palco do “Caldeirão do Huck” Luana Bandeira, a atriz Barbara Reis e a youtuber Lorena Improta. As três beldades estarão na Avenida estreando como musas da agremiação.

Niterói: bloco da 3ª idade

Niterói terá um bloco de carnaval exclusivo para idosos neste ano. A Prefeitura de Niterói, através da Secretaria Municipal do Idoso, promove o Cordão do Bola Branca, e já no dia 26 de janeiro realiza um baile pré-carnavalesco, no Salão de Festas do Tio Sam, no Barreto, para escolher a sua rainha.

A exigência é que a candidata tenha mais de 60 anos, muita simpatia, criatividade e samba no pé.

O objetivo é valorizar as figuras populares do carnaval, junto aos idosos, de forma que possa inseri-los na maior festa popular e cultural do nosso País, buscando a motivação, qualidade de vida e bem-estar.

“A Secretaria do Idoso está apoiando institucionalmente o Bloco Cordão do Bola Branca, com o objetivo de resgatar as antigas marchinhas de carnaval, trazendo os idosos com suas famílias para brincarem juntas”, explica o secretário municipal do idoso de Niterói, Beto Saad.

A candidata vencedora ganhará um final de semana no Haras Morenas Resort, em Minas Gerais, com direito a acompanhante e R$ 1 mil.

A rainha de carnaval do Cordão do Bola Branca fará apresentações nos desfiles dos dias 3 de fevereiro – com concentração às 9 horas, na Praça Getúlio Vargas, na Praia de Icaraí, – e 10 – com concentração às 9 horas na Rua José Clemente com Avenida Rio Branco.

SG: Maricá banca ensaio

Depois de ter os ensaios de rua cancelados por falta de verba, a Porto da Pedra retomará a tradição de mais de 30 anos e voltará a preparar seus componentes no Paraíso. A novidade será garantida por meio da Prefeitura de Maricá, que, em parceria com a agremiação, ajudará nos custos. 

“Com a dificuldade que a escola está passando, esperamos até o último minuto por uma resposta da Prefeitura de São Gonçalo. Como eles nem sequer conversaram com a gente, buscamos ajuda em Maricá. A prefeitura vai arcar com os custos de ônibus para trazer os componentes, água e carro de som”, explicou o diretor social do Tigre, Miguel Sobrinho, que negociou a parceria para trazer de volta os ensaios de rua. “Está todo o mundo sensibilizado com a situação da escola”, completou o presidente Fábio Montibelo.
Os ensaios acontecerão nos dias 14, 21 e 28 deste mês, na Rua Doutor Francisco Portela, no Paraíso, em São Gonçalo. A concentração é a partir das 19h. 

Cancelamento – A decisão de suspender os ensaios de rua surgiu do presidente Fábio Montibelo. Segundo ele, em diversas tentativas de argumentar com a Prefeitura de São Gonçalo, José Luiz Nanci se recusou a receber a agremiação para debater a subvenção dada anualmente ao Tigre. Questionada por O FLUMINENSE, a Prefeitura de São Gonçalo informou que ainda não estavam sendo realizadas reuniões para tratar do assunto. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Fábio do Nascimento
Bom eu sou morador de Maricá eu acho que a prefeitura tinha que invés de investir no carnaval do próprio município moro no bairro de Inoã o carnaval sem nenhuma condição fora os outros bairro da cidade.
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Falo mesmo
Tudo lavagem de dinheiro isso sim, o povo morrendo no hospital Condi Drácula, porque nem hospital descente a cidade tem e injeta grana na escola de outra cidade. Vamos ficar de olho MP.
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Veja também

Scroll To Top