Assine o fluminense

Ônibus é incendiado em São Francisco

Moradores acusam policiais de terem matado adolescente de 16 anos

Avenida Rui Barbosa e Presidente Roosevelt seguem interditadas nos dois sentidos

Alex Ramos

Um ônibus foi incendiado na Avenida Presidente Roosevelt, em São Francisco, em protesto pela morte de um adolescente de 16 anos na tarde desta segunda-feira (12). A via está totalmente interditada na altura da comunidade da Grota do Surucucu. Diogo Costa, conhecido como Dondom, levou três tiros de fuzil nas costas. Moradores acusam a polícia pela morte.

Segundo familiares e amigos, o menino estava saindo de casa, por volta das 12h, para treinar futebol, quando ficou no meio do confronto entre traficantes policiais. Diogo foi atingido nas costas e não resistiu aos ferimentos. De acordo com a Fundação Municipal de Saúde de Niterói, o adolescente chegou em óbito na Policlínica Regional do Largo da Batalha. O corpo será transferido para o Instituto Médico Legal.    

Diogo era jogador da base do América-RJ e também teve uma passagem pala Portuguesa da Ilha. Na próxima semana, ele faria um teste para o clube do Fluminense. 

Protesto - A Estrada da Cachoeira, em São Francisco, foi fechada no início da tarde desta segunda-feira (12). Populares atearam fogo em pneus e pedaços de madeira, que foram colocados em dois pontos da via, na altura da garagem da Miramar, para impedir a passagem de motoristas. Um ônibus também foi incendiado na Avenida Presidente Roosevelt, e motoristas e passageiros foram obrigados a descer do veículo.

O trânsito na Avenida Rui Barbosa segue interditada nos dois sentidos, na altura da Cachoeira, em razão de manifestação. O caso é o mesmo da Rua Presidente Roosevelt, que segue ambém interditada em ambos os sentidos, na altura da entrada da Comunidade da Grota, agentes da NitTrans orientam o trânsito no local desviando o fluxo de veículos pela Rua Mário Joaquim Santana, até que o ônibus seja totalmente retirado da via e o trabalho de limpeza da pista seja concluído.

Operação - Logo nas primeiras horas da manhã, motoristas desta segunda-feira (12), passageiros de ônibus e pedestres que passavam pela Estrada da Garganta viveram momentos de pânico e foram obrigados a procurar abrigo para se esconder do tiroteio entre policiais e criminosos, próximo às comunidades da Igrejinha e Chiqueirinho. De acordo com a Polícia Militar (PM), o Batalhão de Choque (BPChq) e o Batalhão de Ação com Cães (BAC) realizaram operação para reprimir o tráfico de drogas.

Sindicato recomenda que rodoviários não circulem em áreas de risco

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Passageiros de Niterói a Arraial do Cabo (Sintronac) recomenda a todos os motoristas de ônibus que não circulem em áreas onde haja qualquer tipo de ameaça promovida por marginais. A entidade classista repudia atos terroristas, como o registrado na tarde desta segunda-feira (12/08), quando um coletivo do consórcio Transoceânico, da linha 37 (Badu-Centro), foi incendiado na Avenida Ruy Barbosa, em São Francisco, área nobre da Zona Sul de Niterói, e outros ficaram reféns, na linha de tiro entre policiais e bandidos, nas comunidades da Grota e do Viradouro.

Entre 2018 e 2019, pelo menos cem ofícios foram enviados pelo Sintronac para autoridades municipais e estaduais, além do Ministério Público e da Justiça, cobrando providências para que seja garantida a segurança de rodoviários e passageiros. No entanto, a presença de marginais fortemente armados em comunidades onde circulam ônibus têm sido um desafio que, aparentemente, está além da capacidade do poder público solucionar.

A Diretoria do sindicato lamenta que a população venha a sofrer com a falta de transporte público em determinadas regiões, no entanto, os rodoviários são apenas trabalhadores comuns, portanto não podem arriscar suas vidas e sua saúde para enfrentar criminosos com poder de fogo e organizados em nível militar.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Clauda Ramos
A polícia entra nessas comunidades e os maus feitores migram para lugares onde não havia violência!
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Veja também

Scroll To Top