Assine o fluminense

BR-101: mais um dia de pânico

Bandidos fecharam estrada para fazer arrastões. Entre as vítimas havia até um PM, que teve pertences roubados

Crimes na Rodovia BR-101 (Niterói-Manilha) aconteceram na altura dos bairros Boaçu e Portão do Rosa

Divulgação

Um arrastão levou pânico a motoristas que trafegavam pela Rodovia BR-101 (Niterói-Manilha) na altura do Boaçu, em São Gonçalo. Entre as vítimas está um policial militar lotado no 12º BPM (Niterói). O crime aconteceu no fim da tarde de domingo (14), por volta de 17h30. Houve pânico entre motoristas que vinham atrás e tentaram voltar pela contramão.

Quatro bandidos armados com pistolas em duas motos fecharam as pistas no sentido Itaboraí, na altura do KM 311. O militar, que estava com a esposa, assim como outras vítimas, teve seu carro parado pelos criminosos. O casal teve carteira e celulares roubados. O agente não foi reconhecido pelos bandidos como policial militar. O carro dele, sua arma e a identificação de policial não foram levados pelos assaltantes. O caso foi registrado na 73ª DP (Neves).

Os bandidos ainda roubaram um automóvel modelo Volkswagen Gol branco durante a ação, além de pertences de todos os ocupantes de veículos que eles conseguiram parar.  

As ocorrências foram registradas pela 72ª DP (Mutuá). Até o fechamento desta edição ninguém havia sido preso. Nenhuma pessoa ficou ferida durante o arrastão.

O “domingão de arrastão” não ficou apenas nesse caso. Horas antes, por volta das 11h, motoristas que passavam pela mesma rodovia já haviam passado por momentos de tensão. Três homens armados em uma picape preta tentaram roubar um veículo na altura do bairro Portão do Rosa, em São Gonçalo. O condutor conseguiu fugir dos criminosos, que acabaram desistindo e roubando uma moto que passava pelo local.

Uma viatura do 7º BPM que estava realizando patrulha viu o crime e iniciou perseguição contra os bandidos. O bando conseguiu fugir para a comunidade Campo do Urubu, no complexo do Boaçu. 

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam um Ford EcoSport roubado utilizado pelos criminosos para praticar os crimes, que foi abandonado na rodovia. Já a Polícia Militar recuperou um Fiat Siena, roubado pelo bando na estrada e usado na fuga. O veículo foi abandonado em uma das ruas de acesso à comunidade. O carro foi devolvido ao proprietário.

Segundo a Polícia Civil, a faixa entre a descida da Ponte Rio-Niterói até Itaboraí da BR-101 é a área de mais ocorrências de crimes no Rio de Janeiro devido às comunidades que ficam no entorno da rodovia. Além de arrastões, assaltos a ônibus e roubos de cargas também são frequentes no trecho da estrada. A 72ª DP (Mutuá) também registrou o caso ocorrido no domingo pela manhã. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Francisco Candido Da Silva
Eu trabalho em Itaboraí e passo pela BR-101 todos os dias. É preciso tomar uma atitude, pois a rodovia está muito perigosa, com muitos assaltos a qualquer hora do dia. Alguma coisa urgente tem que ser feita. O que facilita a ação dos criminosos é aquele engarrafamento, que chega a ser ridículo. É preciso cobrar mais policiamento, pois pagamos pedágio diariamente, não aguentamos mais tanto descaso e a bandidagem botando pra quebrar em cima do trabalhador.
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

paulo cesar oliveira
Sabem onde ocorrem com maior frequencia os arrastões. E aí? O que é feito?
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Rubens Regufe
Interessante né, como a policia sabe onde são efetuados os arrastões, os roubos e nada fazem? Tem até horário para as ocorrências, não acham isso estranho, pois se fizerem uma arapuca dá para mandar essas vermes/pragas todos para vala mesmo.
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Elson Luiz
O feridão está chegando, por autoridades vamos botar em prática um bom plano de segurança prá não termos notícias de mais casos como esses !!!
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Antonio gomes tavares
Todos os dias tem assaltos e arrastões aqui na estrada do medo. Onde entra os carros roubado não fica nem uma viatura
Vote up!
Vote down!

: 0

You voted ‘up’

Veja também

Scroll To Top