Assine o fluminense

Cinco suspeitos são presos durante blitz da Lei Seca

Polícia apreendeu arma e o carro em que eles estavam, que era roubado

Policiais da Operação Lei Seca que realizavam uma blitz na Rua Pompeu Loureiro, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, foram avisados via rádio da vinda de um veículo, um Honda HRV branco, em atitude suspeita. Depois de avistado, foi dada ordem para que o carro parasse e entrasse na baia de abordagem. Após quase bater em um táxi e sem ter como fugir, o motorista encostou. Após revista pessoal nos cinco ocupantes, foi realizada uma revista no veículo onde foi encontrado, logo abaixo do banco do carona, um revólver calibre 38 com seis munições não deflagradas, quatro celulares, uma quantia em dinheiro, além de objetos e documentos pessoais. 

O caso ocorreu pouco depois da meia-noite do último domingo (22). O carro possuía divergências entre numerações da placa e do chassis. Foi constatado na base de dados que se tratava de um veículo roubado na área da 35ª DP (Campo Grande).

Os agentes solicitaram apoio ao 19º BPM para que auxiliassem na condução dos suspeitos para a delegacia. Foram encaminhados à unidade um homem de 41 anos (que possuía um mandado de prisão pendente por roubo), um de 31 anos, um de 25 anos (que responde a um inquérito policial), um outro de 25 anos (que estava em liberdade desde fevereiro de 2016) e o último, de 27 anos (que estava em liberdade desde março de 2013).

Os presos afirmaram serem moradores do Complexo do São Carlos. Eles foram conduzidos para a 14ª DP (Leblon), onde foram autuados em flagrante por porte ilegal de armas e receptação, cabendo ainda novas diligências, pois os celulares que ficaram confiscados continham fotos e vídeos dos presos portando armamento de grosso calibre, bem como na prática de ilícitos. O veículo também ficou apreendido. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top