Assine o fluminense

Manhã de violência nas ruas de Niterói

Perseguição a bando de assaltantes termina com dois suspeitos mortos e duas vítimas de balas perdidas

Um suspeito morreu em confronto na Rua Desembargador Lima Castro. O outro foi morto na Estrada Viçoso Jardim, após trocar de carro. A polícia apreendeu duas pistolas nos veículos roubados

Marcelo Feitosa

Uma troca de tiros na manhã entre policiais militares e assaltantes terminou com uma jovem de 21 anos e uma idosa atingidas por balas perdidas e dois suspeitos mortos. Dois policiais também foram feridos no confronto.

A perseguição aos bandidos começou na Rua Noronha Torrezão, esquina com a Leite Ribeiro, no Cubango, e se estendeu ao longo da Alameda São Boaventura, no Fonseca, onde as duas acabaram atingidas por disparos. A fuga dos criminosos prosseguiu pela Rua Desembargador Lima Castro, onde um dos suspeitos foi morto. Mais adiante, na Estrada Viçoso Jardim, mais um suspeito foi morto em confronto com a polícia e outro acabou baleado.

Os assaltos atribuídos ao bando começaram por volta das 7h20, quando dois bandidos em uma moto Yamaha Teneré roubaram um Wolkswagen Fox preto na Rua Lopes da Cunha, no Fonseca. O dono do carro estava acompanhado da esposa no momento em que foram abordados. Além do automóvel, foram levados celulares das vítimas, um notebook e dinheiro. 

Na mesma rua os bandidos ainda fizeram mais uma vítima, um engenheiro de 25 anos que estava saindo de casa e teve roubado relógios, celular e carteira. Seu automóvel, um Peugeot, não foi levado pelo bando.

Do Fonseca, os bandidos seguiram no Fox roubado para São Francisco, pegando um comparsa no caminho. No bairro, eles fizeram um arrastão que teve início na Rua Tupiniquins, próximo ao Colégio Gaylussac. A Polícia Civil ainda não sabe onde o comparsa encontrou a dupla nem onde foi deixada a moto utilizada no primeiro assalto.

Após praticarem os roubos, os criminosos seguiram pela Estrada da Cachoeira, passando pelo Largo da Batalha e Ititioca, onde segundo a polícia os três residiriam. Em seguida, eles seguiram pelo Viçoso Jardim até chegar à Rua Noronha Torrezão, no Cubango, onde foram interceptados pela polícia, que deu início à perseguição. 

Mulheres no fogo cruzado

Por volta das 8h55, o bando foi abordado por agentes do Niterói Presente na Noronha Torrezão. Houve perseguição e troca de tiros. Os bandidos seguiram para a Alameda São Boaventura, no Fonseca, onde na altura de uma agência da Caixa Econômica Federal o carro em que estavam colidiu contra uma banca de jornal. Houve novo confronto com e uma mulher de 21 anos, Luana Borges, foi baleada na cabeça. Uma idosa de 80 acabou atingida em uma das pernas. As vítimas de balas perdidas foram levadas para o Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no bairro. O estado de saúde de Luana é grave, segundo o hospital. A idosa foi medicada e recebeu alta.

Ainda no confronto, um agente do Niterói Presente, que estava de moto, foi baleado no peito, mas foi protegido pelo colete à prova de balas. Ele  saiu praticamente ileso: “Nasci de novo”, disse. Outro PM foi atingido de raspão na cabeça.

Os bandidos pegaram a Rua Oscar da Fonseca, seguiram pela Travessa Maia até Desembargador Lima Castro, onde um suspeito foi baleado e morreu. Os outros dois deixaram o automóvel preto e roubaram outro Fox, vermelho.

Na Estrada Viçoso Jardim a dupla colidiu contra um Fiat Siena e derrubou um mototaxista. O sistema de alarme do Fox acabou ativando, fazendo com que o carro desligasse. Em novo confronto, um suspeito morreu no local e o outro, Evandro Souza Lima, de 19 anos, foi baleado e levado em estado grave para o Heal.

O proprietário do Fox Vermelho contou que os bandidos o obrigaram a sair do veículo. Dono de uma quitanda, ele retornava do Ceasa: “Os dois que fugiram me puxaram de dentro do carro e levaram ele”, contou.

Joias, celulares e outros pertences foram achados nos carros roubados

Marcelo Feitosa

Polícia recupera pertences roubados 

O tenente-coronel Sylvio Guerra, comandante do 12º BPM (Niterói), fez um balanço da ocorrência, que ainda contou com apoio do Grupamento de Ações Táticas (GAT).

“Foram dois confrontos: na Desembargador Lima Castro, quando um foi baleado e outros dois trocaram de carro e, em seguida foram pegos na Estrada Viçoso Jardim. Tinham vários itens roubados dentro do carro, relógios e joias que eles utilizavam no corpo e que, provavelmente, foram roubados durante a série de assaltos em São Francisco”, declarou.

Vários pertences de vítimas de assaltos e duas pistolas foram encontradas nos veículos roubados. Havia grande quantidade, bolsas, carteiras, mochilas e jóias. De acordo com os policiais, os criminosos estavam usando muitas delas no corpo a fim de facilitar o transporte. 

Ainda foi encontrada no bolso de um dos criminosos uma chave de motocicleta, que pode ser da Ténéré usada no primeiro assalto. O roubo do Fox foi registrado na 78ª DP (Fonseca) antes de localizarem os suspeitos, por isso, a PM já havia sido alertada e estava à procura deles. A ocorrência foi remetida para a Divisão de Homicídios (DH) de Niterói. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top