Assine o fluminense

Polícia Civil faz operação para capturar foragidos

Ação de âmbito nacional teve mais de 200 presos só no Estado do Rio

durante a operação, foragido foi preso por policiais da 76ª DP

Foto: Marcelo Feitosa

Até o início da noite desta quarta-feira (24), 235 pessoas haviam sido presas em diferentes pontos do Estado, durante operação da Polícia Civil para prender foragidos da Justiça. A ação foi realizada no Distrito Federal e em mais 26 estados. Em Niterói, São Gonçalo e Itaboraí, até o final da manhã de ontem, seis mandados foram cumpridos. 

Uma prisão foi feita pela Delegacia de Homicídios (DH) de Niterói. Outra, de um acusado de roubo, foi feita pela 79ª DP (Jurujuba) na Comunidade do Preventório, em Charitas. Já agentes da 76ª DP (Centro) prenderam um homem acusado de uma série de roubos no Centro de Niterói, no mês de março. Ele foi reconhecido por várias vítimas. O mandado de prisão foi expedido no último dia 10, e ele foi capturado no Centro Pop de Itaboraí (instituição pública que atende a população de rua), em cerco montado por volta de 5h30.

Ainda houve um preso na 72ª DP (Mutuá). O acusado foi flagrado com arma e drogas. Outros dois foram presos pela 78ª DP (Fonseca), sendo um deles enquadrado na Lei Maria da Penha.

Operação – A ação começou nas primeiras horas do dia, e seguiu até as 16h. Todas as delegacias do estado participaram da operação para cumprimento dos mandados.

País – A operação, em âmbito nacional, deflagrada ontem pela Polícia Civil, capturou milhares de foragidos da Justiça em todo o país. Mais de 4,5 mil policiais participam da ação em todo o território nacional, que tem como procurados autores de crimes graves, como homicídios e estupros. 

A operação foi batizada de PC 27, uma referência às polícias civis em 27 estados brasileiros. Não foram informados os números de mandados. (com Agência Brasil) 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top