Assine o fluminense

Operação da PM deixa dois mortos

Militares vasculharam Complexo do Viradouro e Grota do Surucucu e apreenderam fuzil, pistola e drogas

Segundo a polícia, fuzil calibre 5.56 estaria com suspeito atingido durante a operação da PM no Viradouro

Evelen Gouvea

Dois homens morreram, e um fuzil e drogas foram apreendidos durante uma megaoperação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) na manhã desta terça-feira (25) no Complexo do Viradouro, em Santa Rosa, Zona Sul de Niterói. Agentes do Batalhão de Choque (BPChq) e do Batalhão de Ação com Cães (BAC), também realizaram operações, na Igrejinha, que integra o Complexo, e na Grota do Surucucu, em São Francisco.

A ação nas comunidades de Niterói começou ainda de madrugada. Equipes do Bope foram recebidas a tiros no Morro do Beltrão, em Santa Rosa, parte do Complexo da Viradouro. Um suspeito foi atingido na Rua Dr. Almir Madeira, socorrido ao Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, mas não resistiu aos ferimentos. Com ele foram apreendidos um fuzil calibre 5.56, um radiocomunicador, e 88 pinos de cocaína.

Segundo os agentes, um outro homem foi encontrado baleado em área de mata e levado para a Policlínica do Largo da Batalha, próximo à comunidade, mas também não resistiu aos ferimentos. A Fundação Municipal de Saúde de Niterói informou que o homem chegou morto na unidade e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Cerca de 190 policiais do BPChq participaram da ação na Grota e na Igrejinha com motos, carros, vans, caminhão e apoio de um veículo blindado, conhecido como caveirão. O Batalhão de Ação com Cães apreendeu em vasculhamento em área de mata da Estrada Celso Peçanha, no Viradouro, uma pistola 9 milímetros, munições e carregadores para pistola e fuzil, além de drogas em uma mochila e dois tonéis. Caso foi registrado na 77ª DP (Icaraí).

Já na Igrejinha, foi encontrado, também em área de mata, uma pistola Taurus 9mm, carregador, munições e kit rajadas, além de drogas. O caso foi para a 79ª DP (Jurujuba). As ações contaram ainda com apoio de helicópteros do Grupamento Aeromóvel (GAM). Até o fechamento da edição, não havia registros de confrontos, presos ou apreensões.

A megaoperação aconteceu um dia depois de um policial do Bope ser baleado no Viradouro, na madrugada de segunda. Após ser atingido, o agente foi levado para o Heal e já recebeu alta. Na ação, um criminoso foi atingido em confronto e não resistiu. Com ele foram apreendidos uma pistola calibre 9 milímetros, munições e um radiocomunicador..

 
Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top